conecte-se conosco


Policial

Casal é preso por invadir sítio e levar família de refém durante roubo em MT

Publicado

Policiais civis de Comodoro prenderam neste sábado (30) o suspeito de um roubo praticado no início da semana na região rural de Brasnorte. D.A.A., 24 anos, e uma adolescente de 16 anos, cometeram rouboem um sítio na Gleba Tibaji, e fugiram levando um veículo e três pessoas como reféns, entre elas uma criança de um ano de idade.

 

A Polícia Civil de Sapezal comunicou a delegacia de Comodoro de que o suspeito estaria escondido no município, que realizaram diligências para localizar o foragido.

Na tarde deste sábado, o suspeito teve o mandado de prisão preventiva cumprido após se apresentar na delegacia de Comodoro. Ele será encaminhado para audiência de custódia na Justiça.

 

O crime

No dia 25 de novembro, por volta das 17 horas, duas pessoas invadiram dois sítios na zona rural de Brasnorte. Na primeira propriedade roubaram uma motocicleta.

 

Em seguida, se dirigiram ao segundo sítio, onde um homem e uma mulher armados roubaram um veículo modelo Fiat Strada, fazendo três moradores da mesma família, entre eles uma criança de um ano, como reféns, e fugiram em direção à cidade de Sapezal.

Leia mais:  Funcionários são reféns e um acaba morto durante tentativa de roubo

 

No trajeto, uma das vítimas conseguiu escapar e acionar a Polícia de que o carro estava seguindo para Sapezal, onde a Polícia Militar localizou o grupo em um posto de combustível.

 

Ao ver a equipe da PM, o suspeito que estava na direção fugiu em alta velocidade pelas ruas de Sapezal, disparando contra o veículo policial. Uma das reféns, a criança de um ano, foi colocada contra a janela do carro roubado para servir de escudo.

 

Na fuga, o suspeito, depois identificado como D.A. bateu o carro, saiu do veículo disparando contra a polícia e embrenhou-se em um matagal.

 

A outra suspeita, uma adolescente de 16 anos, ficou no carro e para tentar fugir, apontou um canivete para a criança, mas foi contida pela mãe da bebê quando saía do carro.

 

A polícia apreendeu a suspeita e no veículo foram encontradas uma espingarda e munições calibre 28. As vítimas precisaram de atendimento, pois sofreram ferimentos durante o roubo.

 

A mãe da criança informou ainda que o assalto ao seu sítio teve a participação de mais duas pessoas, que fugiram com a motocicleta roubada na primeira propriedade rural. A vítima reconheceu o suspeito como um dos autores do roubo.

Leia mais:  Rapaz é espancado até a morte ao voltar de festa em MT

 

A adolescente confirmou que o suspeito preso estava na direção do carro roubado e tinha efetuado os disparos contra a polícia.

Comentários Facebook
publicidade

Policial

MPE denuncia jornalista por violência psicológica e ameaça

Publicado

O Ministério Público do Estado (MPE) ofereceu denúncia contra o jornalista Leonardo Heitor Miranda Araújo, de 38 anos, por violência psicológica e ameaça, previstos na Lei Maria da Penha.

 

O caso foi encaminhado no dia 10 de janeiro à Segunda Vara Especializada de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher de Cuiabá.

 

De acordo com os autos do processo, ele teria praticado o crime por mais de uma vez. O caso, no entanto está sob sigilo.

 

Os supostos crimes praticados por Leonardo vieram à tona no ano passado, quando ao menos dez jornalistas de Cuiabá o denunciaram na delegacia.

 

Leonardo Heitor está preso no Centro de Custódia da Capital (CCC) desde o dia 25 de novembro do ano passado. Ele foi detido no Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, por descumprir medida protetiva.

 

Ele é réu em outras duas ações penais: uma pelo descumprimento de medida protetiva e outra por tentativa de violação sexual mediante fraude.

Leia mais:  Trio rouba chácara, foge com S10 e termina preso no feriado

 

No primeiro caso, a denúncia foi aceita pela juíza Ana Graziela Vaz de Campos Alves Corrêa, também da Vara de Violência contra a Mulher, no dia 19 de dezembro.

 

No segundo caso, a denúncia foi aceita pela juíza Suzana Guimarães Ribeiro, da Sexta Vara Criminal de Cuiabá, em janeiro deste ano. Nos autos do processo consta que Leonardo Heitor teria tentado manter relação sexual sem consentimento com uma colega jornalista em janeiro do ano passado, no Bairro Boa Esperança, na Capital. No entanto, o ato teria sido impedido por colegas.

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Cliente é assassinado em casa noturna de Cuiabá e polícia investiga o crime

Publicado

Um homem de 29 anos foi assassinado dentro de uma casa noturna localizada na Avenida Beira Rio, em Cuiabá, na madrugada desta segunda-feira (20).

A Polícia Militar foi acionada por testemunhas que afirmaram ter ouvido tiros no local.

Chegando lá, os militares foram informados que a vítima havia sido socorrida por amigos e levada até o Pronto-Socorro de Cuiabá.

O homem morreu logo após dar entrada na unidade médica.

Os amigos que o levaram até o hospital contaram à polícia que um homem, supostamente morador do Bairro Pedra 90, em Cuiabá, teria sacado a arma e atirado contra a vítima e, em seguida, fugido do local em um carro.

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso para identificar o assassino e quais o que teria motivado o crime.

Comentários Facebook
Leia mais:  Garota de 13 anos denuncia que foi estuprada pelo pai
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana