conecte-se conosco


Esportes

Cuiabá segue sem 8 jogadores disponíveis para enfrentar o Coritiba hoje na Arena

Publicado

O técnico do Cuiabá, Marcelo Chamusca, continua com dificuldade para escalar o time ideal. Para o jogo desta noite, contra o Coritiba às 21h30 (horário Mato Grosso) na Arena Pantanal, o treinador segue sem oito jogadores titulares, que estão do departamento médico, em transição ou suspensos. A boa notícia é o retorno do lateral-esquerdo Paulinho, suspenso no jogo contra o Brasil-RS e que retorna hoje.

Na lista dos indisponíveis estão o meia Alê, recebeu o terceiro amarelo e está suspenso. Além dele, estão fora o goleiro Victor Souza, o lateral Jonas, o volante Escobar e os atacantes Todinho e Rodolfo, todos se recuperando de lesão no departamento médico. O volante Dajvan e o meia Rena Bressan foram liberados pelos médicos, treinaram com o elenco na segunda, mas não devem ser convocados até estarem 100% em condições de jogo.

Diante de tantos, problemas, a palavra de ordem no Dourado é superação. Além das lesões, Chamusca tem o calendário apertado com jogos a cada três dias e ainda não conseguiu tempo para treinar adequadamente o time. O tempo é investido em posicionamento e em conversas com o elenco.

“O desgaste e a fadiga são acumulativas. Nós fizemos uma viagem desgastante, passamos um dia inteiro para sair de Pelotas e chegar a Cuiabá e temos apenas três dias de preparação para o jogo. Mas todas as dificuldades a gente tem que transformar em motivação. Temos um grupo forte, que compete, o clube dá uma boa condição de recuperação e é nisso que a gente vai trabalhar”, analisou Chamusca.

O jogo de hoje é isolado na tabela da Série B e vale pela 24ª rodada, quando foi adiado por causa da restauração do gramado da Arena Pantanal. Com o empate conquistado no último sábado, em Pelotas, o Dourado chegou aos 40 pontos e precisa de mais cinco pontos para conquistar a meta inicial na Série B, que é a permanência na divisão. Já o time paranaense tem 48 pontos e briga pelo G4.

Classificação Série B
1 Bragantino 62 pontos
2 Sport  56
3 Atlético-GO   50
4 Coritiba  48
5 América-MG  48
6 Paraná 47
7 CRB 46
8 Botafogo-SP   44
9 Operário-PR   44
10 Ponte Preta 41
11 Cuiabá 40
12 Brasil-RS  39
13 Oeste 38
14 Guarani  36
15 Vitória  36
16 Londrina  35
17 Figueirense  32
18 Vila Nova  31
19 Criciúma   30
20 São Bento  28

Comentários Facebook
publicidade

Esportes

“COT não será usado para treinamentos de times”, diz secretário de Cultura

Publicado

O secretário estadual da pasta de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), Allan Kardec (PDT), declarou que o Centro Olímpico de Treinamento (COT) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) não será utilizado para preparação de times. Na ocasião, o gestor apontou que o espaço deve ser usado para receber jogos e não como “pista social”.

A declaração do secretário foi feita durante o evento de inauguração do COT, realizado no final da tarde de terça-feira (28). O espaço estava previsto para ser utilizado na Copa do Mundo de 2014, porém, a obra foi adiada por problemas estruturais e orçamentários.

“Treinamento não está no nosso foco, porque treinamento é cada equipe tem que ter seu espaço. Agora, o que a gente pode e deve fazer aqui são as competições. Então, a gente pode trazer para cá um jogo da federação, a gente pode trazer um Sub-20, um futebol feminino, a gente pode estar colocando amistosos aqui”, declarou Kardec.

Durante o evento, o secretário também anunciou que o COT deve receber o Campeonato Nacional de Atletismo. A realização do evento no Centro de Treinamento ainda está sendo discutida entre a Secel e a Federação de Atletismo de Mato Grosso (FAMT).

“Já protocolamos o pedido e, a partir de agora, queremos trazer as competições regionais, nacionais e internacionais. A ideia é essa, utilizar essa pista em alto nível”, disse o secretário.

Kardec finalizou suas declarações pontuando que o COT poderá, sim, ser utilizado para preparação de atletas de corrida, tanto nas categorias amadoras quanto os profissionais. Contudo, conforme o secretário, a utilização do espaço precisará ser agendada.

“O que não estará liberado é o portão aberto para vir a qualquer momento e fazer seu treinamento, até porque não é uma pista social, é uma pista de alto rendimento. Então, quem é atleta, seja ele amador ou profissional, pode utilizar mediante agendamento”, finalizou.

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Advogada diz que Bruno está “triste, sem comer e sem dormir”

Publicado

A advogada Mariana Migliorini, que estava cuidando das negociações de Bruno Fernandes com o Operário Várzea-Grandense, disse que o goleiro está “profundamente triste” com o desfecho do episódio.

O time de Mato Grosso desistiu da contratação após manifestações de vários setores, já que Bruno foi condenado por homicídio triplamente qualificado, por envolvimento na morte de Eliza Samúdio, com quem teve um filho, em 2010.

“Ele está sem comer e sem dormir”, disse a advogada ao site Torcedores.com.

Querem ele morto. Isso não é pena, não é algo civilizatório, o Bruno já cumpriu a pena. Deus perdoa, a sociedade não
“Os empresários de Várzea Grande não querem ter o nome do Bruno vinculado a eles por conta da repercussão social. Querem ele morto, isso não é pena, não é algo civilizatório. O Bruno já cumpriu a pena. Deus perdoa, a sociedade não”, disse.

No início deste mês, o Fluminense de Feira de Santana também desistiu de contratar Bruno após revolta e protestos sociais.

Na ocasião, o presidente do time, Ewerton Carneiro, disse que a manifestação dos torcedores contra a negociação foi fundamental para a decisão.

“Esses dias foram de muita confusão para mim, para a diretoria, para o Fluminense de Feira, pro povo de Feira, para a minha família. Ainda que o jurídico me deu um parecer que ele vai chegar com oito a dez dias, eu quero dizer que o Fluminense está desistindo da contratação devido à manifestação popular”.

“Foi um apelo da torcida, foi um apelo do povo, então só quem não ouve o povo é porque é maluco”, declarou na ocasião, segundo o Torcedores.com.

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana