conecte-se conosco


Policial

Exame aponta que jovem encontrada morta nos fundos de kitnet sofreu violência sexual

Publicado

O exame perinecroscópico apontou que a jovem Anna Alessandra Siqueira Marcelino, 21 anos, encontrada morta nos fundos de uma kitnet, foi abusada sexualmente pelo assassino. A informação consta no boletim de ocorrência registrado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) no domingo (17), data que o corpo da vítima foi localizado.

No documento, os policiais informaram que a vítima foi esganada e apresentava ferimentos na região da cabeça e joelho. Porém, os agentes não informaram qual objeto causou as lesões. Além disso, existe a hipótese de que a vítima poderia estar grávida.

Anna foi encontrada aos fundos de um kitnet, no bairro Doutor Fábio II, em Cuiabá. Ela estava sem calcinha e com os seios à mostra, fato que levantou a hipótese de que a vítima havia sofrido violência sexual.

O corpo da jovem foi encontrado pelo proprietário da kitnet. O homem foi ao local para cobrar o aluguel de um dos moradores. Ao chegar à residência, o homem bateu palmas diversas vezes, mas o morador não abriu as portas. Diante disso, ele resolveu entrar.

Ao chegar à parte do fundo, a testemunha encontrou o corpo da mulher sob um palete de madeira e pedras. Durante trabalhos iniciais, os agentes constataram que a residência não tinha sinais de arrombamento, o que indica que o possível assassino tinha acesso ao imóvel.

Além disso, a kitnet não tinha móveis, mas havia vestígios de sangue e maço de cabelo.

Até a publicação da matéria, o laudo de necropsia da vítima não havia sido concluído e nem o assassino havia sido preso.

O caso está sendo investigado pela delegada Eliane Morais.

 

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Operação cumpre oito prisões, apreende armas e recupera produtos furtados

Publicado

A Operação Ordenha, realizada nesta sexta-feira (22) pela Polícia Civil no município de São José dos Quatro Marcos e em mais quatro cidades da região oeste, resultou no cumprimento de seis mandados de prisões preventivas, duas prisões em flagrante, apreensões de armas de fogo e munições de diversos calibres e recuperação de produtos furtados.

Outros oito mandados de buscas e apreensões também foram cumpridos durante a operação que investiga crimes de roubos de veículos e homicídios ocorridos na região. Os mandados de prisões foram cumpridos em Araputanga, Mirassol d’Oeste e Comodoro. Durante as buscas foram aprendidas cinco armas de fogo, entre elas espingardas.

Coordenada pelo delegado de São José dos Quatro Marcos, Edison Pick, a operação é resultado de uma investigação iniciada em setembro de 2019, após a ocorrência de roubo de veículos com restrição de liberdade das vítimas, na zona rural do município. Homens armados ameaçaram as vítimas e roubaram veículos em uma propriedade na comunidade Caeté.  A partir da investigação desse roubo, a Polícia Civil do município levantou diversas informações e chegou à identificação de alguns suspeitos que estavam ligados a outros crimes na região.

“Mostramos para sociedade o resultado de nossas investigações, que seguem para esclarecer todas as informações apuradas com a operação Ordenha. Agradeço o empenho de todas as equipes envolvidas com o trabalho da Polícia Civil”, disse o delegado.

A operação Ordenha teve apoio de equipes policiais das Delegacias de Mirassol d’Oeste e de Porto Esperidião, da Delegacia Especial de Fronteira (Defron) e do 17º Batalhão da Polícia Militar.

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

PM prende marido, salva vítima e impede feminicídio em MT

Publicado

A Polícia Militar prendeu um homem, 19 anos, nesta sexta-feira (22), por lesão corporal, ameaça e apologia ao crime, em Alto Araguaia (a 422 km de Cuiabá).  Após denúncia, os policiais localizaram o suspeito que havia agredido e ameaçado de morte a esposa, uma adolescente de 15 anos.

Moradores do bairro Atlântico acionaram a PM via 190 para atender uma ocorrência de vias de fato entre um casal em via pública. Na verificação das informações, os policiais encontraram o homem e a adolescente, sentados na área da frente da residência do casal.

Foi constatado que a mulher apresentava hematomas no rosto, na região dos olhos e estava com um corte em uma das mãos. A polícia encaminhou a vítima ao hospital da cidade.

Na verificação do local, os policiais encontraram uma faca tipo “açougueiro”, utilizada pelo suspeito durante a briga com a vítima.

O homem foi preso e a caminho da delegacia ameaçou matar a vítima afirmando que “iria arrumar um oitão (revólver)”, “Eu ia matar ela, mas vocês (policiais) chegaram”, afirmou o suspeito.

Para os policiais, o homem ainda confessou que ele havia pichado vários pontos da cidade com mensagens de apologia ao crime.

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana