conecte-se conosco


Esportes

Flamengo bate o Corinthians por 4 A 1

Publicado

Neste domingo (3), o Flamengo recebeu o Corinthians, no Maracanã, dominou as ações no Clássico de Povo e venceu pelo placar de 4 a 1. A partida foi válida pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Flamengo e Corinthians fizeram um primeiro tempo equilibrado até os 40 minutos do primeiro tempo. O Timão começou melhor, criando algumas chances e marcando bem a equipe da casa, que teve mais posse de bola e apostava em jogadas pelo alto.

Foi em um lance desses que saiu o pênalti que abriu o placar para o Rubro-Negro. Aos 42 minutos, após Everton Ribeiro cruzar para Arrascaeta, o uruguaio caiu em dividida com Cássio. Na cobrança, aos 45 minutosBruno Henrique bateu cruzado e viu o goleiro corintiano fazer a defesa, mas, no rebote, o camisa 27 não desperdiçou: 1 a 0No minuto seguinte, Gerson avançou pelo meio, se livrou da marcação e tocou na frente para Bruno Henrique dar um toque sutil e ampliar a vantagem rubro-negra.

O ímpeto do time da casa foi o mesmo no segundo tempo. Tanto que, com apenas 23 segundos de bola rolando, Pablo Marí lançou a bola, Arrascaeta desviou, e Bruno Henrique invadiu a área para fazer 3 a 0. Aos quatro minutos, após boa jogada pela esquerda, Arrascaeta tocou para Vitinho, que ficou cara a cara com Cássio e por pouco não fez o quarto, mandando a bola para fora.

Leia mais:  Sinop sedia Taça Mato Grosso de Futsal a partir desta quinta-feira

Corinthians foi tentando quebrar o embalo do Fla e, aos seis minutosconseguiu descontarMateus Vital aproveitou cruzamento de Pedrinho e cabeceou sem chances para Diego Alves: 3 a 1. Mas o domínio rubro-negro não parou e, aos 21 minutosVitinho ampliou. O camisa 11 recebeu de Willian Arão na intermediária, avançou e soltou uma bomba de canhota para fechar a conta: 4 a 1.

 

Comentários Facebook
publicidade

Esportes

Flamenguista de Mato Grosso perde quase R$ 7 mil e se frustra por não assistir final da Libertadores no estádio

Publicado

Frustração. Este é o sentimento do advogado Peterson da Costa Teixeira, morador de Cuiabá e que não poderá acompanhar o time do coração na final da Copa Libertadores da América de 2019. A mudança na sede da final, de Santiago (Chile) para Lima (Peru), deverá fazer com que o mato-grossense perca até R$ 7 mil, caso não consiga o reembolso de passagens, hotel e outros. Vale lembrar que esta é apenas a segunda vez que o clube carioca chega a uma final da competição.

A Copa Libertadores, a partir deste ano, passa a ter final única, em um país sede escolhido pela Conmenbol. Santiago, no Chile, foi a cidade selecionada. Porém, um série de protestas e o temor pela possível falta de segurança para o duelo entre Flamengo e River Plate fez com que a disputa pelo caneco fosse transferida para Lima, no Peru.

“Foi frustrante. Comprei tudo, passagens, hotel e o ingresso. O voo eu comprei logo depois do primeiro jogo da semifinal. Foi antes de ter a confirmação de que ia se classificar. Logo depois, assim que abriu os ingressos, já comprei. Fiz o plano de sócio torcedor mais caro para isto. Reservei o hotel, sem reembolso”, contou o advogado ao Olhar Direto.

Peterson ainda pontua que tentou remarcar o voo com a Latam para Peru, sem custos adicionais. Porém, após quatro dias, foi informado que não haveria mais passagens disponíveis para o dia da final. “Foram feitas outras tentativas, mas nenhuma delas atendia minhas possibilidades”.

Leia mais:  Brasil decide com Itália vaga nas oitavas na Copa do Mundo de futebol feminino

“Estamos em processo para ver se ressarcem a passagem. Preciso confirmar todos os dados novamente. Estou aguardando para ver esta questão. Se eu não conseguir os reembolsos, devo perder algo em torno de R$ 5 mil. Se eu incluir o sócio torcedor, que comecei a pagar só para poder comprar o ingresso, deve chegar a R$ 7 mil”, estimou o advogado.

O advogado ainda conta que só decidiu não ir de ônibus até Lima por falta de companhia. “Estou chateado até de ouvir falar. Para quem tem paixão e tinha a possibilidade de ir, é frustrante. Eu não fui de ônibus, porque eu estava sozinho, mas é bastante complicado”.

“Agora vou reunir com minha família, que é fanática, meus pais, tios, minha avó, que é apaixonada, assar uma carne e assistir o jogo. Quem for torcedor, vai degustar desse momento da forma que for. Sofremos muito e está na hora da gente ganhar”, finalizou o advogado.

Esta é apenas a segunda vez que o Flamengo chega em uma final de Copa Libertadores da América. A última foi em 1981, quando os cariocas venceram o Cobreola (Chile).

Agora, sob o comando do português Jorge Jesus, o ‘Mengão’ tem a possibilidade de conquistar o bicampeonato e também o título do Campeonato Brasileiro de 2019, que está cada vez mais próximo.

Leia mais:  Luverdense busca hoje reabilitação na Série C contra o São José em Lucas

Telão da Arena

Os torcedores do Flamengo que procuram opção de local para assistir a final da Copa Libertadores da América, no dia 23 de novembro, poderão ir até a Arena Pantanal, onde serão instalados telões e sonorizações para shows, segundo divulgou a secretaria de Cultura, Esporte e Lazer do Estado.

A final entre Flamengo e River Plate (ARG) será realizada em Lima, no Peru. A partida está marcada para ter início às 16 horas (de Mato Grosso). O evento intitulado ‘A Arena é Nossa. Dá-lhe Mengão!’ está sendo promovido pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), em parceria com o Cuiabá Esporte Clube e a emissora de TV responsável pela transmissão oficial da partida.

Os portões do estádio serão abertos a partir das 14h, com acesso pelos portões A e B, no setor Oeste e portões F e G, no Leste. O ingresso será dois quilos de alimentos não-perecíveis que serão doados a instituições sociais.

O rubro-negro foi considerado o mais querido pelos cuiabanos em levantamento local realizado pela KGM Pesquisas. Dentre os clubes de futebol de fora do Estado, um em cada quatro torcedores (25,8%) aponta o Flamengo como time de coração em Cuiabá.

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Nos pênaltis, Cuiabá vence o Paysandu e conquista a Copa Verde

Publicado

O Cuiabá conquistou o bicampeonato na Copa Verde nesta quarta-feira (20), após marcar nos acréscimos e vencer o Paysandu nos pênaltis, no Mangueirão, em Belém.

 

O Dourado havia perdido o jogo de ida, na Arena Pantanal, por 1 a 0. Ontem, sofreu para conseguir o mesmo placar, marcando com Paulinho, de cabeça, aos 49 minutos do segundo tempo, o que levou a decisão da disputa para os pênaltis.

 

Marcaram para o Cuiabá: Gutiérrez, Escudero, Alex Ruan e Paulinho. Pelo Paysandu, Leandro Lima, Thiago Pimpão, Tony e Micael converteram as cobranças.

 

Ednei, do Cuiabá, teve o pênalti barrado pela defesa de Giovanni.

 

Na hora de decidir para o Paysandu, Caíque chutou para a fora, levando o jogo para as cobranças alternadas e reacendendo a chance do Cuiabá, que conseguiu marcar com Felipe Marques, enquanto que, pelo time adversário, Nicolas chutou no travessão.

 

Com a vitória, além da taça de campeão, o Cuiabá garantiu uma vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil de 2020 e levou uma premiação de R$ 2,5 milhões.

Leia mais:  Gianni Freitas é o novo treinador do Mixto e enfrenta o Sinop na Copa FMF

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana