conecte-se conosco


Entretenimento

Sem apoio, organizadores temem que Carnaval não aconteça

Publicado

Há 32 anos as associações de comerciantes e de moradores da Praça da Mandioca se juntam para organizar o tradicional Carnaval no Centro de Cuiabá. Este ano, porém, a festividade corre o risco de não acontecer.

O fundador do Carnaval da Praça da Mandioca, Marcos Araújo, revelou que desde 2019 a Prefeitura não tem colaborado com a execução da festa, que dura cinco noites e tem duas matinês.

“Desde o ano passado a gente está sem apoio da Secretaria de Cultura. Não tem verba e a Prefeitura já deixou claro que não irá ajudar”, afirmou.

No final de janeiro, a Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo anunciou que o carnaval de rua deste ano será no Parque de Exposições da Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat) entre 22 a 25 de fevereiro.

Araújo disse que, no ano passado, os organizadores conseguiram realizar o Carnaval da praça ao cobrar uma taxa de vendedores ambulantes e barracas de comidas e bebidas. Nesta edição, no entanto, o grupo não quer poluir o local com tantos comerciantes.

Desde o ano passado a gente está sem apoio da Secretaria de Cultura. Não tem verba e a Prefeitura já deixou claro que não irá ajudar
O idealizador também contou que os comerciantes não conseguem bancar com toda a estrutura, atrações culturais, segurança e licenças sozinhos.

Com público de cerca de 1,5 mil pessoas por dia, Araújo acredita que seria uma perda cultural muito grande para a Capital se o tradicional Carnaval não acontecer.

“Vai ter o desfile dos blocos lá [Acrimat], vai montar uma estrutura com barzinho e essas coisas. Mas os nossos foliões querem manter a tradição. É o Carnaval da banda com marchinhas, é um Carnaval bem família”, declarou.

Outro lado

Por meio de nota, a Secretaria de Cultura relatou que, desde 2019, a recomendação é que as festividades de Carnaval não sejam realizadas com dinheiro público e sim pela iniciativa privada.

A Prefeitura afirmou que está buscando recursos com a iniciativa privada para que o evento aconteça e o Carnaval na Acrimat será todo financiado por empresas.

A Pasta ainda disse que reconhece a importância do carnaval no Centro Histórico e está aberta ao diálogo com a organização do evento.

Comentários Facebook
publicidade

Entretenimento

Com a pandemia de coronavírus, listamos 10 filmes que retrataram cenários parecidos

Publicado

Com os cinemas fechados em Cuiabá e sem estreias cinematográficas, veja uma lista com dez filmes e séries sobre o assunto do momento: pandemia. Nesta quinta-feira (19), a Secretaria Estadual de Saúde divulgou a notificação de 59 casos suspeitos de coronavírus em Mato Grosso e um caso já confirmado na Capital.

É fato que estamos vivendo momentos delicados com o coronavírus e o cinema vem retratando o tema há tempos, seja em filmes ou em minisséries, baseados em fatos reais ou frutos da mais pura ficção.

Confira a lista de filmes

1 – Contágio (Contagion) – 2011

O filme se inicia acompanhando a personagem da Gwyneth Paltrow em um bar de hotel tossindo, e acompanha os movimentos de contatos e interações que ela faz em seu caminho, dando a entender que o vírus está se espalhando. Acompanhamos um grupo de várias nacionalidades voltando para seus respectivos países depois de um ponto em comum, na Ásia. Depois disso a pandemia se instaura e médicos e pesquisadores lutam contra o tempo para tentar evitar a propagação cada vez maior e descobrir mais sobre o vírus para buscar uma cura.

2 – Epidemia (Outbreak) – 1995

Um vírus contagioso que vem do macaco contrabandeado da África, começa a infectar humanos em uma pequena cidade americana. Ele espalha muito rapidamente, matando pessoas e a cidade é colocada em quarentena pelo exército enquanto médicos e cientistas buscam uma cura.

3 – Pandemia (Pandemic) – 2020

Uma série documental da Netflix com seis episódios. Nela médicos e cientistas em diversos cantos do globo procuram entender como funcionam as variações dos vírus da gripe com potencial pandêmico como H1N1, H1N5, SARS, MERS e outros que causam deficiências respiratórias. E decretam: um novo vírus ainda desconhecido tão mortal quanto a gripe espanhola vai surgir e que é uma questão de tempo.

4 – The Hot Zone – 2019

A série é baseada no best-seller de Richard Preston e relata a história real das origens do vírus Ebola, desde a floresta tropical da África Central até sua chegada ao solo americano, em 1989, quando o vírus apareceu em chimpanzés em um laboratório científico nos subúrbios de Washington, nos Estados Unidos, sem uma cura conhecida. Nesse cenário, uma veterinária do exército americano, trabalhando com uma equipe militar secreta, se coloca em perigo quando tenta desviar o surto antes de se espalhar para a população humana.

5 – 93 Dias (93 Days) – 2016

Um filme de suspense nigeriano de 2016 dirigido e co-produzido por Steve Gukas. Ele conta a história do surto de Ebola de 2014 na Nigéria e sua contenção bem-sucedida por profissionais de saúde de um hospital de Lagos.

6 – Containment – 2016

Uma misteriosa e mortal epidemia atinge a cidade americana Atlanta, o que força o governo a colocar a cidade em quarentena e aqueles que estão presos nela a lutar por suas vidas.

7 – Helix  2014

Helix é uma série do canal Syfy que acompanha um grupo de cientistas do Centro de Controle de Doenças (CDC) que viaja para o Ártico com o objetivo de investigar o suposto surto de uma doença. Porém, ao chegar no local, os pesquisadores ficam presos no centro de pesquisa, e suas vidas parecem estar correndo risco.

8 – Vírus  2009

Depois que um vírus mortal quase acabou com a humanidade, um grupo de quatro amigos decide fugir para o oeste dos Estados Unidos. Em uma sociedade na qual ninguém é confiável, eles se vêm em uma situação complicada: ajudar um pai a procurar por medicamentos para a sua filha pequena ou seguir em frente?

9 – The Last Ship  2014

Uma série feita pela pelo canal TNT que acompanha uma equipe de militares em um navio. Eles, com ajuda de alguns pesquisadores, precisam encontrar a cura de um vírus mortal que está dizimando a população. Isolados do resto do mundo, o futuro da humanidade depende do sucesso deles.

10 – Os 12 Macacos (Twelve Monkeys)  1995

Um filme que mistura ficção científica, conspiração e uma doença terrivelmente mortal, com Bruce Willis e Brad Pitt no elenco. A história é sobre um homem que voltou no tempo para descobrir a causa de um vírus que, em 2035, quase acabou com a humanidade. Agora, ele precisa provar que não está maluco ao mesmo tempo que tenta impedir o problema de acontecer novamente.

Comentários Facebook
Continue lendo

Entretenimento

Bolsonaro critica Mangueira por enredo sobre Jesus

Publicado

O presidente Jair Bolsonaro criticou nesta terça-feira, 25, em vídeo nas redes sociais, o samba da Mangueira, que trouxe uma releitura da vida de Jesus Cristo no carnaval do Rio. A agremiação disse que queria levar à Marquês de Sapucaí um Jesus com “rosto negro, sangue índio e corpo de mulher”.

Para o presidente, a agremiação estava “desacatando religiões” ao propor o tema. Grupos religiosos já haviam criticado e feito abaixo assinado contra a escolha da escola, que tenta o bicampeonato. Procurada, a agremiação não quis se manifestar. A escola chegou a levar 20 líderes religiosos para apoiá-la durante o desfile na passarela. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana