conecte-se conosco


Barra do Garças

Corpo de Bombeiros prepara soldados para combate aos incêndios florestais em Mato Grosso

Publicado

O Estágio de Prevenção e Combate a Incêndios Florestais, realizado para os alunos do Curso de Formação de Soldados do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso será concluído hoje. O estágio é parte da grade curricular do curso e prepara os bombeiros para atuarem nas ocorrências de incêndios florestais já nesta temporada de seca que tem início em julho. Os bombeiros estão preparados para atender mais de 600 ocorrências.

A unidade responsável pelo conteúdo do estágio é o Batalhão de Emergências Ambientais do Corpo de Bombeiros Militar. O BEA é a unidade especializada em prevenção e combate a incêndios florestais e em resposta a emergências com produtos perigosos. Durante o treinamento os militares habilitam-se para as técnicas de aproximação das chamas, produção de aceiros, manutenção das ferramentas e para cuidarem da própria segurança e dos companheiros.

Neste ano, os “florestais”, como são chamados os bombeiros capacitados para esse tipo de ocorrência, terão apoio de mais uma ferramenta para a gestão de incêndios florestais, as salas se situação desconcentradas. Elas se somam aos florestais e às brigadas mistas municipais como apoio intermediário de unidades de gestão de incêndios florestais com autonomia para a tomada de decisões sobre a prevenção e enfrentamento às ocorrências. A função das quatro salas (Tangará, Cáceres, Sinop e Barra do Garças) é escalar equipe, providenciar viaturas e equipamentos necessários para o combate.

Segundo o Major Jean Carlos Oliveira, do Batalhão de Emergências Ambientais, as despesas com deslocamento e diárias aumentam consideravelmente durante a temporada de incêndios florestais. “Durante três meses, a Temporada de Incêndios Florestais demanda quase a mesma quantidade de diárias que a corporação inteira durante o resto do ano, é um grande desafio administrativo e logístico”, ressaltou, por meio da assessoria.

O mês de fevereiro tem sido o de menor registro de ocorrências de incêndios e queimadas. Em 2018, por exemplo, foram 24 ocorrências em todo o estado, contra 675 no mês de julho. O aumento é de mais de 30 vezes em cinco meses. A soma de janeiro até 17 de junho já conta com 405 ocorrências atendidas. Nos cinco primeiros meses deste ano, a média é de 35 ocorrências atendidas, mas o mês de junho já puxa a média para cima.

Os números de ocorrências se referem aos atendimentos prestados pelo Corpo de Bombeiros. A quantidade de focos de calor, registrados pelo Instituto de Pesquisas Espaciais é bem maior. Os satélites registram focos de calor em plantações e florestas sem que ninguém abra um chamado, mas ainda assim são contados no total de focos de calor.

Redação Só Notícias (foto: Henrique Cotrim)

Comentários Facebook
publicidade

Barra do Garças

Prefeito eleito Adilson Gonçalves anuncia novo secretariado para governo municipal

Publicado

por

O prefeito eleito em Barra do Garças, Adilson Gonçalves (PSD), divulgou, por meio de uma nota à imprensa, os nomes que irão compor sua equipe de governo.

De acordo com Adilson, a escolha de seu secretariado foi pautada em critérios como inovação, experiência e compromisso político-social de cada nomeado.

A nova gestão terá 16 secretarias, das quais, quatro terão ex-vereadores a frente: Alex Matos, Cleber Fabiano, Júlio César e Rodrigo Ragiotto.

Confira os nomes:

 Gabinete do Prefeito: Ubaldino Rezende Rodrigues, engenheiro florestal
• Secretário de Administração: João Bernardes Ferreira Júnior, formado em Ciências Contábeis
• Secretário de Esportes: José Carlos Salamoni, formado em Educação Física
• Secretária de Assistência Social da Mulher e Igualdade Racial: a primeira-dama Leila Batista da Silva, policial civil e bacharel em Direito
• Secretária de Turismo: Jessika Satiko Hirata, engenheira civil
 Planejamento Urbano e Obras: Júlio César Gomes dos Santos, pecuarista
• Secretário de Agricultura e Desenvolvimento, Pesca, Indústria e Comércio: José Bispo dos Santos, professor
• Secretário de Finanças: Fábio Tadeu Weiler, formado em Administração
• Secretário de Educação: o vice-prefeito eleito Sivirino Souza dos Santos, professor
• Secretário de Saúde: Adilson Tavares Lopes, enfermeiro
• Secretária de Comunicação Social: Mirelly Maria da Silva, jornalista
• Secretário de Urbanismo e Paisagismo: Rodrigo Ragiotto, médico veterinário
• Secretário de Cultura: Alessandro Matos do Nascimento, historiador
• Secretário de Planejamento: Cleber Fabiano Ferreira, bacharel em Direito
• Secretário de Transportes e Serviços Públicos: Marcus Coelho Braz, engenheiro eletricista e de segurança
do trabalho
 Procurador Geral do Município: Herbert de Souza Penze, advogado

image

Comentários Facebook
Continue lendo

Barra do Garças

Câmara decide nesta quinta sobre aumento do salário do prefeito e secretários de Barra do Garças

Publicado

por

Não há informação se terá reajuste de salário para os vereadores que recebem 14 mil

Acontece nesta quinta-feira (17/12), na Câmara Municipal de Barra do Garças-MT, uma sessão extraordinária para avaliar o projeto de lei nº 029/2020, que trata de um possível reajuste salarial do salário do prefeito, vice e secretários do município para o próximo mandato, de 2021 a 2024.

Caso seja aprovado, o salário do gestor barra-garcense passaria de R$ 10 mil para 16 mil; enquanto que o vice-prefeito teria ordenado de R$ 5 mil acrescentado para 8 mil reais e dos secretários municipais subiram dos atuais R$ 6 mil para 8 mil.

15/12/2020 às 21h27min – Atualizada em 15/12/2020 às 21h27min

Câmara decide nesta quinta sobre aumento do salário do prefeito e secretários de Barra do Garças

Não há informação se terá reajuste de salário para os vereadores que recebem 14 mil

Acontece nesta quinta-feira (17/12), na Câmara Municipal de Barra do Garças-MT, uma sessão extraordinária para avaliar o projeto de lei nº 029/2020, que trata de um possível reajuste salarial do salário do prefeito, vice e secretários do município para o próximo mandato, de 2021 a 2024.

Caso seja aprovado, o salário do gestor barra-garcense passaria de R$ 10 mil para 16 mil; enquanto que o vice-prefeito teria ordenado de R$ 5 mil acrescentado para 8 mil reais e dos secretários municipais subiram dos atuais R$ 6 mil para 8 mil.

Esse projeto de lei foi apresentado na segunda-feira (14/12), pela equipe de transição do prefeito eleito Adilson Gonçalves (PSD), com a justificativa de que há anos não é realizado um reajuste dos subsídios dos gestores barra-garcenses.

Portanto, a proposta é vista com uma medida legalmente válida. Vale salientar que o reajuste não irá comprometer e nem onerar os cofres da prefeitura de Barra do Garças segundo avaliação da equipe de transição.

Os valores reajustados seriam:

Prefeito: de R$ 10 mil para R$ 16 mil mensais

Vice-prefeito: de R$ 5mil para R$ 8 mil mensais

Secretários: de R$ 6 mil para R$ 8 mil mensais

Com a aprovação, os aumentos salariais aconteceriam a partir de janeiro de 2022.

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana