conecte-se conosco


Economia

Cuiabá desconta até 100% de impostos

Publicado

FolhaMax

A Secretaria de Agricultura e Desenvolvimento Econômico apresenta seu plano de incentivos fiscais, Pró-Cuiabá, para atrair empresas à Capital, durante os três dias da EXPOECOS-MT – maior feira do Centro Oeste voltada à cadeia produtiva de abastecimento da Indústria, Atacado, Varejo e Food Service – que acontece no Centro de Eventos do Pantanal entre os dias 4 e 6 de junho.

Com descontos em impostos que variam de 50% a 100%, por períodos entre três e 10 anos, o programa fomenta a geração de emprego e renda na cidade. “Temos avançado na divulgação do projeto, que impacta diretamente na economia. Então, ao nos aproximarmos desses empreendimentos, visamos à contrapartida de investimentos em Cuiabá”, explica a titular da Pasta, Débora Marques.

Ela também fala sobre a possibilidade de beneficiamento de empresas locais que possuem projetos de expansão. Os interessados podem procurar a Secretaria, onde serão dados todos os encaminhamentos. “Estes esforços fazem parte do plano de gestão do prefeito Emanuel Pinheiro que tem atuado para facilitar a chegada de novos investidores a Cuiabá”, diz.

No stand da Pasta o acesso ao Sine Municipal também é facilitado. Assim, as empresas que venham a se instalar na cidade ou que já estão aqui podem disponibilizar suas vagas em um vasto cadastro de profissionais. “É o nosso R.H. Ali são feitos os filtros específicos para cada vaga e perfil de contratado.”

Com relação ao Pró-Cuiabá, Débora destaca que o valor dos descontos é diferente para cada empresa, podendo variar de acordo com seu porte, área de atuação e quantidade de postos de trabalho gerados.

Para a solicitação do benefício fiscal, a empresa terá que apresentar um projeto de investimento que será analisado por uma comissão técnica formada pelas secretarias municipais envolvidas na concessão do respectivo benefício, conforme modelo definido pela Secretaria. Todos os trâmites e cadeias beneficiadas estão especificados na Cartilha Pró-Cuiabá, que pode ser acessada aqui.

O evento

A EXPOECOS-MT é o maior evento do Centro-Oeste da cadeia produtiva de abastecimento da Indústria, Atacado, Varejo e Food Service, está instalada numa área de 3.800m², com cerca de 80 estandes. Espera-se a presença de 10 mil pessoas até o último dia, entre executivos de redes (médias e grandes lojas), proprietários de minimercados, mercearias, lojas de conveniências bem como panificadoras, restaurantes e prestadores de serviço. A secretária dos 300 Anos, Cely Almeida, participou da abertura do encontro, representando o prefeito da Capital.

Comentários Facebook
publicidade

Economia

Nova presidente da Caixa assume cargo na terça-feira

Publicado

A economista Daniella Marques Consentino teve o nome aprovado hoje (1º) pelo Comitê de Elegibilidade da Caixa Econômica Federal e assinou o termo de posse. Ela assumirá oficialmente o cargo na próxima terça-feira (5), em cerimônia oficial no Palácio do Planalto.

Ex-secretária especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, Daniella Consentino substituirá Pedro Guimarães, que pediu demissão nessa quarta-feira (29), após denúncias de assédio sexual que estão sendo investigadas pelo Ministério Público Federal e pelo Ministério Público do Trabalho. Ele negou as acusações na carta de renúncia.

No governo desde janeiro de 2019, Consentino foi chefe da Assessoria Especial de Assuntos Estratégicos do Ministério da Economia. Uma das principais assessoras do ministro Paulo Guedes, ela assumiu a Secretaria Especial de Produtividade e Competitividade no início do ano.

Com formação em Administração de Empresas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ), a nova presidente da Caixa tem MBA em Finanças pelo Ibmec e uma carreira no mercado financeiro. Foi diretora-executiva da Oren Investimentos e diretora de Risco e Compliance, sócia e gestora de Renda Variável da Mercatto Investimentos. Antes de entrar no governo, foi sócia do ministro Guedes na Bozano Investimentos, onde foi diretora de Compliance e Operações e Financeiras.

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Economia

Comentários Facebook
Continue lendo

Economia

Festas juninas devem movimentar este ano R$ 641 milhões em São Paulo

Publicado

As festas juninas devem movimentar R$ 641 milhões entre os meses de maio e julho no estado de São Paulo, segundo projeção do Centro de Inteligência da Economia do Turismo (Ciet), ligado à Secretaria de Turismo e Viagens. O centro calcula R$ 396,1 milhões de impacto direto e R$ 244,9 milhões de efeitos indiretos.

Uma grande parcela dessa movimentação financeira vem dos gastos do público durante os eventos, estimado em R$ 361,1 milhões. Os turistas representam 12% dos frequentadores das festas juninas, respondendo por 37% dos gastos (R$ 133,2 milhões), enquanto os moradores locais respondem por 63% do consumo (R$ 227,9 milhões), calculou o Ciet.

De acordo com informações do estado, em 2022, eventos em 316 municípios localizados em regiões turísticas devem reunir 3,7 milhões de pessoas, com geração de 15.950 empregos.

A projeção do Ciet mostra que as festas juninas deste ano praticamente recuperam o fluxo de visitantes e movimentação financeira, na comparação com o ano de 2019, período anterior à -pandemia.

De acordo com o centro, o publico médio estimado em 2022 é de 12 mil pessoas por evento. Em 2019, o público estava em torno de 14 mil, e a movimentação financeira foi de R$ 660 milhões.

Edição: Nádia Franco

Fonte: EBC Economia

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana