conecte-se conosco


Cuiabá

Delegado pede outra perícia de acidente em frente a Boate Valley que deixou dois mortos

Publicado

O Bom da Notícia

Para colocar fim em algumas dúvidas que ainda pairam sobre a investigação em acidente ocorrido em 23 de dezembro de 2018, na Avenida Isaac Póvoas, em Cuiabá, o delegado da Christian Alessandro Cabral – da Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito -, requisitou uma nova perícia.

O atropelamento – que ocorreu por volta das 5h50, em frente à Boate Valley Pub, na Avenida Isaac Póvoas, em Cuiabá -, na antevéspera de Natal, resultou nas mortes da estudante de direito Myllena de Lacerda Inocêncio, de 22 anos e do cantor sertanejo Ramon Alcides Viveiros, 25 anos. Ainda deixando por vários meses hospitalizada a universitária Hya Giroto Santos, de 21 anos.

No último dia 2 de abril, o delegado Christian Cabral e a sua equipe interditaram a avenida para averiguar qual seria a velocidade, de fato, em que estava a condutora Rafaela Screnci da Costa Ribeiro, no momento do acidente.

Assim, o objetivo foi calcular ‘milimetricamente’ a velocidade real do veículo da professora na ocasião do acidente. Mesmo procedimento realizado no caso do verdureiro Francisco Lúcio Maia, 48, morto após ter sido atropelado por um Jeep Renegade, conduzido pela médica Letícia Bortolini, em abril de 2018.

No entanto, conforme o delegado, como a perícia não esclareceu os sinais identificadores do veículo, que parou na faixa central para evitar atropelar Hya Giroto Santos, ele requisitou mais uma perícia. Levando em consideração que eEsses ocupantes teriam visão privilegiada e poderiam ter presenciado o momento do acidente e os instantes anteriores e subsequentes do atropelamento. O laudo também explica a questão da influência do comportamento da Hya para o acidente.

Em fevereiro, o primeiro laudo do acidente foi entregue à Polícia Civil, mas após análise, a Deletran entendeu pela necessidade de esclarecimentos adicionais em cima de imagens captadas por câmeras de monitoramento da região.

O delegado havia explicado aos peritos que as perícias complementares devem ajudar a investigação sanar dúvidas que ainda restam para que seja promovida a responsabilização da condutora, assim como eventual contribuição de uma das vítimas para o acidente que deixou dois mortos.

Conforme ele, os quesitos devem considerar a possível influência que o comportamento da vítima Hya Giroto Santos, 21 anos (época dos fatos), que dançava na pista, teve influência sobre a travessia dos amigos Myllena de Lacerda Inocêncio, de 22 anos, e Ramon Alcides Viveiros, 25 anos, fazendo com que eles retardassem a conclusão da travessia da pista; como também na identificação dos três veículos que estavam obstruindo as faixas de circulação exclusivas de ônibus, da direita e da esquerda (dificultando eventuais reações da condutora do veículo), e ainda questão da efetiva velocidade do veículo da condutora, Rafaela Screnci da Costa Ribeiro, 33 anos.

O acidente

O acidente que resultou em duas mortes ocorreu por volta às 5h50, do domingo, 23 de dezembro passado, em frente à boate Valley na Avenida Isaac Póvoas, em Cuiabá. A condutora do veículo, a professora Rafaela Screnci da Costa Ribeiro, 33 anos, na ocasião, foi presa em flagrante e autuada no plantão da Polícia Civil nos crimes de homicídio culposo na direção de veículo e lesão corporal culposa na direção de veículo. Ela foi conduzida para audiência de custódia, onde foram adotadas medidas cautelares e aplicada fiança pelo juiz. A motorista pagou o valor da fiança e foi posta em liberdade no dia seguinte, 24 de dezembro.

O acidente vitimou no momento da colisão a universitária Myllena de Lacerda Inocêncio, de 22 anos, deixou gravemente feridos Ramon Alcides Viveiros, 25 anos (que morreu após ficar 5 dias internado) e Hya Giroto Santos, 21 anos, a única sobrevivente do atropelamento.

A condutora da caminhonete trafegava sentido bairro/centro pela faixa de rolamento da esquerda, quando nas proximidades da boate Valley Pub, atropelou os pedestres Hya Girotto Santos, Ramon Alcides Viveiros e Myllena de Lacerda Inocêncio, ocasionado em lesões corporais graves em ambas as vítimas, os quais foram socorridos pela equipe médica do Samu e encaminhados ao PSM de Cuiabá.

O acidente gerou ainda danos materiais em outro veículo que estava estacionado, um Gol (NPK7309); e, na época, ainda causando profunda comoção na população cuiabana.

Comentários Facebook
publicidade

Cuiabá

Pais ou responsáveis deverão informar na solicitação de matricula o número do CPF da criança

Publicado

A partir deste ano será obrigatória a informação, no ato da solicitação de matrícula na rede pública municipal de educação, Matrícula Web, do número do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) da criança. 

A secretária-adjunta de Educação, Débora Marques Vilar, explica que a partir da informação do CPF, a Secretaria Municipal de Educação terá maior facilidade no planejamento do atendimento à demanda por vagas, de acordo com as regionais, nas unidades da rede pública municipal.

“Ano a ano estamos aperfeiçoando a Matrícula Web, a fim de que possamos atender com mais efetividade, a demanda da população. Criada na gestão Emanuel Pinheiro, a Matrícula Web vem se tornando uma ferramenta cada vez mais transparente, trazendo segurança e agilidade para os pais ou responsáveis.”, destaca.

De acordo com a secretária-adjunta, a mudança será publicada na Portaria que tratará da Matrícula Web 2022, para o ano letivo de 2023.

O que é o CPF

Desde o final de 2017, o CPF passou a ser incluído em todas as certidões de nascimento, casamento e óbito. Assim, os bebês já devem sair da maternidade com o número de CPF incluído no registro.

Entretanto, para quem não saiu da maternidade com o CPF na certidão de nascimento, o documento pode ser solicitado nas Agências do Banco do Brasil, da Caixa Econômica Federal, dos Correios ou entidades conveniadas. Para solicitar o documento, os pais ou responsáveis devem apresentar, originais ou cópias autenticadas, dos seguintes documentos:  RG ou certidão de nascimento, título de eleitor para pessoas entre 18 e 69 anos, e documento de um dos pais ou do responsável legal, no caso de menor de idade.

Fonte: Prefeitura de Cuiabá MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

Cuiabá inicia Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e Multivacinação 2022 na próxima segunda (15)

Publicado

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e Multivacinação 2022 começa em Cuiabá na próxima segunda-feira (15). O público-alvo desta campanha são crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade. A previsão é de que a campanha seja realizada nas unidades básicas de saúde até dia 09 de setembro. O dia “D” ocorrerá no dia 20 de agosto de 2022 em todas as UBS, das 7h30 às 17h.

Segundo o coordenador de Programas Estratégicos da Secretaria Municipal de Saúde, Wellington Assunção Ferreira, o objetivo da campanha é alcançar a cobertura vacinal igual ou maior que 95% para a vacina poliomielite, na faixa etária de 1 ano a menor de 5 anos, reduzir o número de não vacinados de crianças e adolescentes menores de 15 anos e melhorar as coberturas vacinais conforme o Calendário Nacional de Vacinação.

“É de extrema importância que os pais levem seus filhos para fazerem a atualização da caderneta de vacinação, pois por causa da pandemia muitas crianças deixaram de ser imunizadas contra várias doenças. Não podemos correr o risco de ver o retorno de doenças que já estavam totalmente controladas porque as coberturas vacinais estão abaixo do esperado”, comentou o coordenador.

Todas as vacinas disponíveis no Calendário Nacional de Vacinação para as crianças serão oferecidas durante a campanha. São elas: BCG, Pentavalente, Poliomielite Oral e Inativada, Pneumocócica 10 valente, Meningocócica C, Febre Amarela, Rotavírus, Hepatite B, Tríplice Bacteriana, Tríplice Viral, Tetra viral, Hepatite A, Varicela e HPV Quadrivalente. Para adolescentes estarão disponíveis as vacinas HPV, dT (Dupla Adulto), Febre Amarela, Tríplice Viral, Hepatite B, Meningocócica ACWY (conjugada) e dTpa (para adolescentes gestantes).

De segunda a sexta as salas de vacinação de todas as UBS estarão abertas normalmente, das 07h00 às 11h00 e das 13h00 às 17h00, com exceção das UBS Grande Terceiro e Ana Poupina, que não possuem sala de vacinação. Nas UBS de hora estendida (Clínica da Família, Ilza Terezinha Picolli, Parque Ohara e Tijucal) as salas de vacinação funcionam das 7h às 20h, sem interrupção.

Fonte: Prefeitura de Cuiabá MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana