conecte-se conosco


Entretenimento

Dia da série: confira a programação especial do Universal TV

Publicado

source
Dia da série: confira a programação especial do Universal TV
Redação EdiCase

Dia da série: confira a programação especial do Universal TV

Veja quais séries de sucesso serão exibidas ao longo desta semana no Brasil

No dia 20 de junho é comemorado o dia da série. A data foi criada pelo Universal TV no Brasil para celebrar esta importante forma de entretenimento. Como apenas um dia para maratonar séries não é o suficiente, o canal de TV promoverá a ‘Semana do Dia da Série’ com uma programação especial entre os dias 20 e 26 de junho, com episódios de ‘Law & Order: Unidade de Vítimas Especiais’ e o final da série ‘Chicago’. 

“As séries têm o poder de mexer com as nossas emoções. Não à toa, o posicionamento de marca do Universal TV, ‘séries que te movem’, mostra o quanto os fãs se inspiram, se emocionam e se motivam por meio das histórias e personagens”, afirma Gabriel Williams, gerente de marketing e produto da NBC Universal no Brasil.

> 4 filmes que completam 20 anos em 2022

Programação da semana

Segunda-feira: Chicago Fire

Criada por Michael Brandt e Derek Haas e produzida por Dick Wolf, a série estadunidense acompanha a história dos bombeiros e paramédicos da brigada 51, que trabalham arriscando suas vidas para salvar a cidade. Porém, à medida em que assumem riscos, suas decisões e escolhas podem representar a diferença entre a vida e a morte. Assim, em meio ao perigo, nasce uma corajosa família de salvadores, que sofrem com conflitos familiares externos em meio às responsabilidades de ajudar o próximo. 

> 5 filmes que estreiam no cinema em junho

Terça-feira: Law & Order: Unidade de Vítimas Especiais

Law & Order: SVU
Law & Order: SVU (Imagem: Divulgação / Universal TV)

Com direção de Dick e Fred Wolf, a série ‘Law & Order: Unidade de Vítimas Especiais’ mostra as investigações de crimes sexuais e violência doméstica feitas pelo detetive Elliot Stabler (Christopher Meloni) e Olivia Benson (Mariska Hargitay), que tentam conciliar trabalho e vida pessoal. 

Quarta-feira: Chicago P.D .

Chicago P.D
Chicago P.D (Imagem: Divulgação / Universal TV)

Derivada de Chicago Fire, no drama os telespectadores acompanham a Unidade de Inteligência de Chicago P.D. A equipe liderada pelo detetive sargento Hank Voight (Jason Beghe) tenta combater o crime organizado, o tráfico de drogas, a violência e outros crimes hediondos da cidade. 

Quinta e sexta-feira: Chicago Med

Chicago Med
Chicago Med (Imagem: Divulgação / Universal TV)

Criada por Dick Wolf, Matt Olmstead e Andrew Dettmann, conta a história da equipe de médicos, enfermeiros e funcionários do hospital Gaffney Chicago Medical Center. Na trama, eles tentam salvar vidas e, ao mesmo tempo, viver seus relacionamentos interpessoais. 

> 5 lançamentos da Netflix em junho

Sábado e Domingo: Maratona mista 

Para o fim de semana o Universal TV mescla todas as séries exibidas durante a semana, para agradar os fãs de todas as produções. Por isso, nos dias 25 e 26 haverá maratonas das franquias ‘Chicago’, ‘Law & Order: Unidade de Vítimas Especiais’ e ‘FBI’. 

Aprenda técnicas de meditação para ajudar a lidar com a ansiedade

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
publicidade

Entretenimento

Klara Castanho rompe silêncio e fala sobre papel polêmico na Netflix

Publicado

Klara Castanho interpreta jovem vítima de abuso sexual em série da Netflix
Reprodução/Instagram

Klara Castanho interpreta jovem vítima de abuso sexual em série da Netflix

Depois de relatar a violência sofrida em uma carta aberta nas redes sociais , Klara Castanho falou sobre Ângela, sua personagem na série Bom Dia, Verônica, da Netflix, que sofrerá abuso sexual de seu pai. Em um post feito pela produtora da trama, Zola Filmes, a atriz agradeceu o cuidado da produção com ela e revelou o que deseja no momento.

“Que nossa Ângela traga ventos de mudanças. É só o que eu desejo agora. Obrigada pelo cuidado de vocês”, escreveu na publicação, que elogiava a atriz e desejava apoio. Esta será a segunda temporada da série original Netflix e, nela, Klara dará a vida a uma personagem que será vítima de violência sexual pelo próprio pai, interpretado por Reynaldo Gianecchini.

Depois do relato feito pela atriz no último sábado (25), a produção decidiu editar algumas cenas do abuso. Segundo a equipe da série, ela não gravou nenhuma sequência explícita de estupro, apenas momentos que dão a entender o crime. Mas, mesmo assim, vão tomar cuidado para abordar o assunto. 

*Com a colaboração de Gabriela Ramos.

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Entretenimento

Peça “Amantes Irmãs” tem Norma Blum na direção

Publicado

Peça tem direção de Norma Blum
Reprodução 29.06.2022

Peça tem direção de Norma Blum

Ariel, Carmem e Inês são três irmãs criadas dentro dos preceitos cristãos e que tem como única verdade os ensinamentos da religião.  Ariel, irmã do meio, interpretada por Fellipe Defall, se descobre transexual na adolescência e após ser expulsa de casa, sem expectativas de sobrevivência, acaba caindo na prostituição e mantém contato apenas com Carmem, a mais velha, interpretada por Camila Piva, que se torna beata fervorosa. 

Inês, a caçula, interpretada por Natali Duarte, se casa com Estevão, interpretado por Thiago Zimiano, um bancário bem-sucedido e vive de aparência de um casamento feliz, mesmo sabendo que o marido a trai com outras muitas mulheres. 

O reencontro dessas irmãs, depois de muitos anos, gira em torno da descoberta de que Ariel tem o marido de Inês como seu cliente fixo. Já Inês, fragilizada por após ter sofrido um aborto, não consegue mais engravidar. Carmem arquiteta um plano de vingança onde deseja matar Estevão e ficar com seu dinheiro.

A peça será a execução desse plano até então perfeito. O texto, escrito por Felipe Defall,  trabalha questões importantes como a transfobia e o não acolhimento pela família, o fanatismo religioso e o direito ao aborto. Traz muito de Nelson Rodrigues que, brilhantemente, trabalhou em seus textos os conflitos do “submundo” da sociedade perfeita, que de perfeita nunca tivemos. 

‘O Ser humano é muito frágil e extremamente complexo. Justamente o fato de ter sido a Carmem, a irmã mais beata, ter sido a que arquitetou um plano de assassinato como forma de punição, nos mostra o quanto a questão da religião está tão distorcida. Nem tudo é o que parece ser”, nos conta Camila Piva. 

Norma Blum, atriz com 70 anos de carreira, assina a direção primorosa da peça. “’Amantes Irmãs’ foi a possibilidade de voltar a trabalhar com direção de teatro, com um grupo de jovens atores e uma temática da peça afastada do meu universo pessoal, sendo então um grande desafio pessoal. Eu amo desafios e fiquei muito feliz com a resposta do elenco e com o resultado final”, relatou Norma. 

A peça fica em cartaz no Cabaret da Cecília, em São Paulo, até 28/07. 

Para sugestões e pautas:  [email protected]

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana