conecte-se conosco


Rondonópolis

Em MT, ministro da Infraestrutura visita terminal ferroviário e diz que prioridade é concluir obras paradas

Publicado

G1 MT

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, visitou nesta sexta-feira (14) o Terminal Ferroviário da América Latina, em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá, acompanhado pelo governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM), e políticos mato-grossenses.

Ele disse da possibilidade de estender o traçado da Ferrovia Senador Vicente Vuolo, a Ferronorte, até Cuiabá. A ferrovia chegou em Alto Garças, Itiquira e Rondonópolis e pelo projeto deve ser prolongada por 200 km para chegar à capital e melhorar o escoamento da produção agrícola, principalmente da região Norte do estado.

“Tem dois caminhos para a ferrovia chegar a Cuiabá. O primeiro é demonstrar a inviabilidade de ter uma concessão autônoma, indo para Cuiabá, e a partir do momento que demonstra a inviabilidade atribui o trecho à própria concessionária que já opera em Rondonópolis, e o segundo caminho temos trabalhado junto com o Congresso que é um projeto de lei que cria o regime de autorização porque havendo manifestação da concessionária a gente autoriza a concessão do trecho”, explicou.

Segundo o ministro, entre as prioridades do governo está a conclusão das obras paradas, antes de iniciar novos projetos.

“Em todos os setores existe essa preocupação, essa concepção de que é necessário eleger prioridades e concentrar e acabar com o que está andando, antes de abrir uma frente nova e vai tirando isso da frente”, declarou.

Ele também visitou trecho da BR-364 no município. Outra obra de interesse da população da região é a duplicação do trecho entre Rondonópolis e Jaciara e do trecho urbano de Rondonópolis.

A Ferrovia Senador Vicente Vuolo chegou em Alto Garças, Itiquira e Rondonópolis, faltando apenas cerca de 200 km para chegar em Cuiabá.

Audiência sobre a Fico

Rondonópolis foi um ponto de parada do ministro. O destino dele mesmo é Água Boa, a 736 km de Cuiabá, onde será realizada uma audiência pública para debater as obras de infraestrutura das rodovias federais e estaduais do trecho de 383 km da Ferrovia da Integração Centro-Oeste (Fico).

A Fico começa na Ferrovia Norte-Sul em Campinorte (GO) e vai até Água Boa. A malha ferroviária vai escoar a produção de grãos para os portos de Santos (SP), Itaqui (MA) e, no futuro, Vila do Conde (PA).

Comentários Facebook
publicidade

Rondonópolis

Diretora de saneamento é assassinada dentro de carro em rua de Rondonópolis

Publicado

por

Terezinha Silva Souzano, presidente do Serviço de Saneamento Ambiental (Sanear) de Rondonópolis (212 km ao Sul de Cuiabá), foi assassinada no começo da manhã desta sexta-feira (15), no centro da cidade. A caminhonete que ela estava foi atacada por motoqueiros que atiraram várias vezes contra o veículo. Vídeo mostra o momento em que o carro é perseguido, veja abaixo.

 

As informações preliminares são de que o crime aconteceu por volta das 7h30, na rua Otávio Pitaluga. Dois homens em uma motocicleta se aproximaram do veículo e atiraram várias vezes contra o vidro, atingindo Terezinha na cabeça.

 

Ela foi socorrida, encaminhada para a Santa Casa da cidade, mas não resistiu e acabou morrendo. O local do crime foi isolado e perícia será feita no veículo da vítima.

 

O caso está sendo investigado, polícia faz rondas pela região. Câmeras de segurança vão ajudar na identificação da motocicleta dos suspeitos.

Comentários Facebook
Continue lendo

Rondonópolis

Dona de bar discute com marido e é encontrada morta logo depois

Publicado

por

A dona de um bar, Aparecida Santos de Souza de 73 anos, foi encontrada morta  após ter uma discussão com o marido. O caso aconteceu no bairro Parque São Jorge em Rondonópolis ( a 218 km de Cuiabá).

AGORA MT

MORTE

Segundo o boletim de ocorrência, a mulher foi encontrada em frente ao seu estabelecimento. Testemunhas que estavam no local informaram que Aparecida havia tido uma discussão com o marido momentos antes, no entanto não relataram nenhuma agressão física.

Uma equipe médica do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e constatou o óbito da vítima.

Durante a primeira perícia não foi encontrado nenhum sinal de violência, porém só o laudo da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) deve apontar a causa da morte.

O marido da mulher que estava no local se negou a ir até a delegacia para prestar depoimento e acabou sendo detido pela Polícia Militar. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) para exame de necropsia.

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana