conecte-se conosco


Cuiabá

EMEB Profª Tereza Lobo comemora trajetória de sucesso na educação cuiabana

Publicado


Jorge Pinho

Clique para ampliar

A Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Profª. Tereza Lobo está completando esta semana 50 anos de história e dedicação à educação cuiabana. Para comemorar a data estudantes e a comunidade escolar estão participando de várias atividades. As ações foram reunidas no Projeto Tereza Lobo 50 Anos – Meio século dedicado à educação cuiabana, projeto que pretende registrar olhares e experiências vividas por alunos, ex-alunos, pais  e profissionais da Educação, a fim de valorizar a atuação da escola na oferta de uma educação de qualidade para a cuiabania.

A EMEB Profª Tereza Lobo é uma das mais tradicionais da rede pública municipal de Cuiabá. Localizada no também tradicional bairro Dom Aquino foi criada pelo Decreto Nº 10/71, de 23 de fevereiro de 1971 (publicado no Diário Oficial/MT nº 15818 em 12 de março de 1971) e alterado pelo Decreto n° 418/75 (publicado em 26 de junho de 1975 na Gazeta Municipal nº173 de 30 de junho de 1975).

A unidade educacional atende 450 estudantes da Educação Infantil, na faixa etária de 04 e 05 anos e 1º Ciclo do Ensino Fundamental (até o 3º Ano). Comprometida com a igualdade de acesso ao conhecimento, desenvolvimento de valores e com a permanência bem como a redução da evasão escolar, a escola procura cumprir o que está previsto na Constituição de 1988, na LDB 9394/96, nas Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Básica, no Plano Nacional de Educação, no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e na política municipal de Educação – a Escola Cuiabana. Assim, contribui para uma educação de qualidade formando cidadãos críticos para atuarem na sociedade.

“Para atingirmos esses objetivos a escola incentiva e busca a participação ativa da comunidade escolar seja no Conselho Deliberativo ou em atividades extracurriculares.  Essa participação ativa está refletiva no  Projeto Tereza Lobo 50 Anos que conta com a participação dos estudantes e da comunidade escolar nas atividades que estão sendo planejadas e realizadas para marcar essa data tão especial”, disse o diretor da unidade, Vilson Messias Aguiar.  

O projeto tem como proposta  promover situações que favoreçam a aprendizagem de forma lúdica e prazerosa e, mesmo em tempos difíceis, de afastamento social, em decorrência da pandemia provocada pelo coronavírus, mostrar o orgulho que todos têm da história da unidade. “Queremos mostrar a toda a comunidade cuiabana um pouco dessa história de sucesso”, disse o diretor.

A coordenadora pedagógica da escola, Francisca Rosa Barbosa explicou que as atividades voltadas aos estudantes estão focadas nas aprendizagens de valores éticos, culturais, sociais e estéticos, fundamentais para a formação humana,  no incentivo a escrita e a oralidade;  e no estímulo as relações interpessoais e afetivas entre toda a comunidade escolar. “Além disso, estamos produzindo painéis com fotos, registros escritos e depoimentos de ex-alunos, professores e pais sobre a história da unidade, que poderão ser utilizados pelos professores em suas aulas remotas; exposições sobre a história da escola e outras atividades”.

Francisca Rosa disse que a participação dos estudantes no projeto é fundamental. Assim, os alunos da Educação Infantil estão trabalhando com a fabricação de brinquedos, desenhos e vídeos que representem o sentimento pela escola.

Já o Ensino Fundamental está produzindo poemas, parlendas, acrósticos, frases e textos sobre a vivência na escola.  Eles também estão resgatando documentos e registros de ex-alunos que hoje fazem parte do grupo de pais da Tereza Lobo,  coletando informações de arquivos pessoais,  e depoimentos de integrantes da sociedade cuiabana, e também da família da Patrona da unidade, Professora Tereza Lobo.

O projeto lançado no último dia 23/02, dia do aniversário da unidade educacional, deve ser desenvolvido ao longo do 1º bimestre, podendo ser estendido diante da possibilidade do retorno das atividades presenciais, no modelo híbridoa. “Acreditamos que de maneira presencial podemos aumentar o ganho de vivencias do cotidiano na retomada do novo normal’, disse Francisca Borba.

Emoção

Para a comunidade escolar o momento é de festa. Nos grupos de whatsapp ex-alunos da unidade, agora pais e mães de alunos,  participam com manifestações e resgate de muitas vivencias.

A Suellen da Silva é uma delas. Ex-aluna da EMEB Profª Tereza Lobo da Pré-Escola (1989) à 4ª Série (1993) se lembra com carinho dos momentos que viveu na escola e de professoras que marcaram a sua vida como a professora Maria das Graças e a diretora Nilzete. Hoje ela acompanha com orgulho a trajetória de suas filhas. “Tive o prazer em ter iniciado minha carreira escolar nessa unidade. Quando minhas filhas Helena e Sofia iniciaram a vida escolar eu também queria que elas estudassem na mesma escola que eu estudei. Depois de dois anos consegui a tão sonhada matrícula nessa escola querida, de onde só tenho boas lembranças e espero que assim como eu elas tenham ótimas recordações e bons aprendizados”, disse Suellen.

Patronesse

A professora Tereza Lobo nasceu  no dia 15 de outubro de 1895. Filha de Francisco de Arruda Lôbo e Amélia Lôbo, era terceira de sete irmãos.

Professora normalista ministrou aulas no 1° e 2º Graus na disciplina de Língua Portuguesa no Colégio Liceu Cuiabano,  na Escola Normal Pedro II (Celestino) e na Escola Modelo Barão de Melgaço. Aprimorou-se nas atividades culturais como teatro, música, poesia, colaboradora da revista “A Violeta” editada pelo Grêmio Júlio Lopes de Almeida, formado pelas senhoras e moças da sociedade cuiabana, usando pseudônimo de Magnólia.

Tereza Lobo era colaboradora ativa das iniciativas  lítero-recreativas promovidas pelas diversas entidades culturais de Cuiabá.

Mulher de caráter forte, mestra dedicada, amiga, enérgica, porém condescendente e bondosa, profundamente religiosa, humana e cristã. Era solidária com os movimentos da Paróquia de São Gonçalo, no Bairro do Porto, onde residiu por mais de 25 anos.

Casada com Daniel de Queiroz, Tereza Lobo não teve filhos, mas dedicou-se na formação de outros, dando-lhes formação moral e cultural, mantendo-os com hospedagens, alimentação, vestuários e assistência médico-hospitalares.Tereza Lobo faleceu em 06 de janeiro de 1954. 

 

 

 

 

 
 
 

Comentários Facebook
publicidade

Cuiabá

Pinheiro amplia horário de funcionamento do comércio, libera cinemas e eventos sociais e corporativos

Publicado


Luiz Alves

Clique para ampliar

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, editou o Decreto nº 8.392, que altera as medidas voltadas para os segmentos comerciais contidas no Decreto nº 8.388, de 9 de abril de 2021. Além de ampliar o horário de funcionamento do comércio local, dentro de um escalonamento no período das 5h às 22h, o documento muda o horário do toque de recolher, que passa a vigorar das 23h às 5h. As medidas valem já a partir deste sábado e seguem em vigor até o dia 2 de maio.

Somado a isso, também a partir de hoje , está permitida a realização dos eventos sociais, corporativos, empresariais, técnicos e científicos, leilões, cinemas, museus e teatros. Para tal, é necessário respeitar o limite de 30% da capacidade máxima do local, seguindo os horários de segunda a sábado, inclusive feriados, das 9h às 20h, e domingos das 7h às 12h. Também é preciso assegurar o uso de máscara e a disponibilização de álcool 70%.

“Um gestor precisa ser sensível, solidário e manter constante diálogo com todos aqueles que ajudam no crescimento da cidade. Ouvimos diversos setores, que expõem suas dificuldades diante da pandemia. O deputado federal Emanuel Pinheiro Neto, o Emanuelzinho, também teve importante papel de articulação, se reunindo com a Abrasel e outros segmentos. Entendemos que o setor econômico foi extremamente penalizado e precisamos encontrar maneiras de fomentar a economia, respeitando as medidas de biossegurança”, explica o prefeito.

Outro ponto contido é a permissão para atividades religiosas, de forma presencial, de segunda a domingo, das 5h às 22h, observando os protocolos de distanciamento social e ainda o limite de 30% da capacidade do local. O decreto também revoga o inciso IV do art. 1º, do Decreto 8.388, que suspendia o atendimento presencial em órgãos públicos e concessionárias de serviços públicos.

Veja como fica o funcionamento de cada segmento econômico:

 – As atividades econômicas do comércio em geral, varejista e atacadista, exercerão suas atividades observando o horário de funcionamento de segunda à sábado, das 8h às 18h.

– Os supermercados, padarias, açougues e congêneres, observarão o horário de funcionamento, de segunda a sábado, inclusive feriados, das 6h às 22h, e aos domingos das 6h às 12h.

– As atividades de prestação de serviços em geral, exercerão suas atividades observando o horário de funcionamento, de segunda à sábado das 8h30 às 21h.

– As lojas de conveniência localizadas em postos de combustível, funcionarão de segunda-feira à sábado, inclusive feriados, das 5h às 22h, e domingos de 5h às 12h, permitido o consumo no local desde que sentados, observadas as demais medidas previstas no art. 10 do presente decreto.

– As atividades econômicas no segmento de academias de esporte de todas as modalidades, exercerão suas atividades observado o horário de atendimento de segunda à sábado das 5h às 22h.

– As atividades econômicas de comércio varejista exercidas nos interiores dos shoppings centers e congêneres, observarão o horário de atendimento ao público de segunda à sábado das 10h às 22h, e domingos das 7h às 12h.

– As atividades econômicas de bares, restaurantes, lanchonetes e congêneres, inclusive aqueles em funcionamento em shopping centers, funcionarão observando o horário de atendimento ao público de segunda-feira à sábado, inclusive feriados, das 9h às 22h e domingos, das 9h às 15h.

– A atividade de comércio de alimentos nas vias e logradouros públicos, por aqueles que possuírem a respectiva autorização para tanto emitida pelo Município, funcionarão de segunda-feira à sábado das 8h às 22h e domingos das 8h às 15h.

– Fica permitido o consumo de bebidas alcoólicas nos segmentos econômicos autorizados a funcionar, desde que realizados de forma sentada e a distribuição de mesas e cadeiras observem o distanciamento necessário.

– O funcionamento das atividades na modalidade delivery ficará autorizado somente até as 23h59, inclusive aos sábados e domingos, com exceção das farmácias e congêneres, que poderão funcionar, na modalidade delivery, sem restrição de dias e horários.

– O funcionamento de restaurantes e congêneres na modalidade take-away e drive-thru, se dará de segunda a domingo, inclusive feriados, até as 22h45.

Veja no anexo abaixo o decreto na íntegra

Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

Prefeito e primeira-dama participam de missa “in memoriam” às vítimas da Covid-19

Publicado


Luiz Alves

Clique para ampliar

O prefeito Emanuel Pinheiro participou na noite desta sexta-feira (16) de uma missa realizada na Capela da Misericórdia, do Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) – Dr. Leony Palma de Carvalho. A celebração religiosa, organizada pelo núcleo da primeira-dama Márcia Pinheiro, homenageou a primeira vítima da Covid-19, Nelson Antônio Ferraz, de 79 anos, e as cerca de 2.400 que faleceram em decorrência da doença, na Capital.

O prefeito Emanuel Pinheiro disse que a missa é um gesto de sensibilidade, de humanização, de solidariedade, de esperança e de união. “Um ano da morte da primeira vítima da Covid-19 em Cuiabá, um ano de saudade e dor para a família enlutada e para tantas outras que perderam seus entes queridos. Mas, com fé em Deus buscamos forças e esperanças para vencer essa luta. Com essa celebração buscamos esperanças. Nós continuamos a luta diária, para vencermos essa guerra e para que o menor número de famílias possível passe por essa dor”, disse o prefeito Emanuel Pinheiro.

A primeira-dama Márcia Pinheiro reforçou a importância da fé nesse momento de pandemia e destacou a inclusão das atividades religiosas como essenciais nos decretos municipais. “O prefeito não mediu esforços para inserir as atividades religiosas como essenciais, porque ele acredita que esse momento de fé, muitas vezes, é somente o que resta para confortar milhares de famílias que perderam pais, mães, irmãos e amigos. Estarmos hoje aqui rogando a Deus por dias melhores passa uma mensagem da importância dos valores familiares e cristãos, tão presentes e fortes na sociedade cuiabana e que devem ser valorizados”, elencou.

Entre as intenções da celebração, o promotor de Justiça Célio Fúrio, 56 anos, que faleceu na manhã de ontem em São Paulo, por complicações da Covid.

Ao final da celebração religiosa, pelo Padre Elilzo, o prefeito, a primeira-dama, e o deputado federal Emanuelzinho, junto com alguns convidados, soltaram balões brancos em respeito, luto, e sinceros sentimentos às vítimas da pandemia.

O ato é um marco na gestão Emanuel Pinheiro que demonstra sensibilidade para com as pessoas, religiosidade e os valores familiares defendidos pela administração da Prefeitura de Cuiabá.

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana