conecte-se conosco


Nacional

Guerra entre facções provoca chacina em Queimados, no Rio de Janeiro

Publicado

Chacina no Rio de Janeiro ocorreu entre os criminosos do Morro do Torre e traficantes do Morro São Simão

Cinco pessoas foram encontradas mortas na comunidade do Morro São Simão; em Mangaratiba, outro massacre deixou seis mortos na terça-feira

Um confronto entre criminosos de facções rivais em uma favela de Queimados, na Baixada Fluminense, terminou com a morte de cinco pessoas. Segundo o porta-voz da Polícia Militar (PM), major Ivan Blaz, dois mortos foram encontrados pela PM na terça-feira (3) nos arredores da comunidade São Simão. Nesta quarta-feira (4), mais três vítimas da chacina no Rio de Janeiro foram encontradas, dentro da comunidade.

Segundo a polícia, a chacina no Rio de Janeiro ocorreu entre os criminosos do Morro do Torre, que seriam do Terceiro Comando Puro (TCP) e que atacaram traficantes do Morro São Simão, que reúne bandidos do Comando Vermelho.

A facção que controla a comunidade de São Simão está disputando os pontos de venda de drogas com a quadrilha que domina a favela da Torre.

Como uma resposta aos confrontos, a PM começou a fazer uma operação na noite de terça-feira nas duas comunidades. Durante a ação, duas pessoas foram baleadas, supostamente em confronto com policiais, e encaminhadas para o Hospital da Posse, onde estão sendo atendidas, informou o porta-voz.

Mais uma chacina no Rio de Janeiro

A Polícia Civil do Rio de Janeiro informou nesta terça-feira (3) que Robson Barbosa dos Reis, o Robinho, de 35 anos, é o principal suspeito pelas mortes de seis pessoas em Mangaratiba, na região metropolitana do Rio. O Portal dos Procurados do Disque Denúncia divulgou cartaz com recompensa de R$ 1 mil por informações que levem a captura de Robinho.

Na chacina, os criminosos só pouparam um bebê de sete meses. As vítimas, que seriam da mesma família e com idades variando entre 16 e 37 anos, foram assassinadas dentro de casa no bairro Parque Bela Vista.

Uma adolescente de 15 anos, que não estava na casa, também escapou de ser assassinada pelo grupo. O alvo da chacina seria Bruno Souza dos Santos, de 19 anos, uma das vítimas. Os outros teriam sido mortos por “queima de arquivo”.

De acordo com a Polícia Civil, os mortos foram identificados como Bruno de Souza dos Santos, mais conhecido como Índio, de 19 anos; Michele Nunes da Silva, de 37; Rayane Nunes da Silva Garcia, de 22; Rafael da Silva da Motta, de 18; Jonathan Nunes Muniz, de 16; e Claudemir Pinto Francelino, de 33.

Para a polícia, a hipótese mais provável é que o crime tenha sido praticado por traficantes. Segundo o delegado Rodrigo Coelho, a motivação seria o fato de Bruno estar vendendo drogas de forma independente, sem prestar contas para o chefe do tráfico local. A polícia ainda informou que a ficha criminal de Bruno tinha, entre outros crimes, indiciamento por tráfico de drogas e porte de armas.

Principal alvo da chacina no Rio de Janeiro , Robinho apresenta diversos indiciamentos por tráfico de drogas e corrupção ativa. Segundo o delegado da 165ª Delegacia Policial (Mangaratiba), Anderson Ribeiro Pinto, Robinho tem um mandado de prisão pelo crime de associação para a produção e tráfico, expedido pela Vara Única da Comarca de Mangaratiba.

* Com informações da Agência Brasil

Fonte: IG

Comentários Facebook
publicidade

Nacional

Dupla sertaneja e equipe sofrem grave acidente de ônibus em rodovia no interior de SP; cinco mortes já foram confirmadas

Publicado

por

Cinco mortes já foram confirmadas no grave acidente com o ônibus da dupla sertaneja Conrado e Aleksandro, na manhã deste sábado (7), na rodovia Régis Bittencout, na altura de Miracatu, no interior de São Paulo. As vítimas ainda não foram identificadas.

Segundo apurado pelo g1, ao menos 18 pessoas estavam no veículo, incluindo os artistas. Além dos óbitos confirmados, oito vítimas foram socorridas pela ambulância da concessionária, cinco estão sendo socorridas presas nas ferragens e uma vítima ainda não foi encontrado.

O acidente aconteceu, por volta das 10h30, no km 402,2 da pista com sentido São Paulo (SP). De acordo com a Arteris, concessionária que administra o trecho, há registro de 4km de congestionamento na pista sentido Curitiba e 2km no sentido São Paulo.

Ainda de acordo com a concessionária, uma faixa da pista e o canteiro central foram interditados. As causas do acidente ainda são desconhecidas.

Ao g1, o empresário da dupla, José Carlos Cassucce, confirmou que o ônibus envolvido no acidente é de Conrado e Aleksandro.

Segundo Cassuce, o veículo saiu de Tijucas do Sul (PR), onde a dupla fez um show na sexta-feira (6), e seguia com destino para São Pedro (SP), onde há um show agendado para este sábado.

Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Jornalista que atuava no Grupo gazeta agride Mulher no Paraná

Publicado

por

Daniel Santos apresentava o programa ‘Balanço Geral’ nesta segunda-feira (07), mas deixou a atração poucos minutos depois do início

O advogado Ricardo Baldan, que representa a vítima, conversou com a Banda B e contou que a mulher foi até o apartamento do apresentador para recuperar bens pessoais neste sábado (05).

“Ela mandou mensagens para ele durante a semana, pois tinha um ventilador e outros pertences na casa dele. No domingo, ela encontrou ele, que estava embriagado e com cheiro de bebidas alcoólicas. Desde o momento que ela chegou, ele tratou ela mal e no final houve uma discussão. Ela conta que foi empurrada por ele, pressionada contra o portão, e sofreu diversas escoriações no braço, na perna e em outras partes”, relatou o advogado.

Além das agressões, a vítima teria tido o celular quebrado pelo jornalista. Logo após o episódio, a mulher se dirigiu à Delegacia da Mulher para fazer as denúncias. Ela conseguiu uma medida protetiva contra o homem.

Um exame de corpo delito está marcado para ser realizado no Instituto Médico Legal (IML) nesta quarta-feira (09).

Relacionamento

Segundo Baldan, os dois se conheciam desde 2018 e tinham um relacionamento esporádico.

“Pelo o que ela me contou, eles tinham um relacionamento esporádico, não era algo estável e duradouro. Eles se conheceram em dezembro de 2018 e voltaram a se ver agora, em dezembro de 2021, ficaram algumas vezes, saíram juntos, mas nada muito sério”, explicou o advogado da vítima.

Recentemente, a mulher teria descoberta que Santos é casado e que sua esposa mora em outro estado.

O episódio de violência física teria sido o primeiro desde o início da relação, porém as humilhações seriam constantes.

“Ela relata que era muito humilhada por ele, não fisicamente, mas verbalmente e psicologicamente. Era chamada de bipolar, louca, era maltratada”, revelou Baldan.

Daniel Santos

Nesta segunda-feira, o jornalista Daniel Santos estava em seu primeiro dia no programa ‘Balanço Geral Curitiba’, da RIC TV, afiliada da Record, substituindo o apresentador titular, Jasson Goulart, que está de férias. Guilherme Rivaroli entrou no lugar do colega no meio da atração.

“Gente, hoje cinco minutos depois desse programa entrar no ar, a RIC TV foi comunicada que uma mulher estava na Delegacia da Mulher para fazer um boletim de ocorrência contra o apresentador Daniel Santos, que começou hoje a substituir o Jasson Goulart durante o período de férias do nosso apresentador titular”, disse Rivaroli.

O advogado que defende Santos, Ygor Nasser Salah Salmen, publicou nota dizendo que o jornalista e sua família estão sendo vítimas de “uma pessoa mal-intencionada”, que ele é inocente e que as acusações são caluniosas.

RIC TV

A RIC TV também se manifestou por meio de nota reiterando sua postura contrária a qualquer tipo de violência, em especial contra a mulher.

A emissora afirma que vai contribuir com o esclarecimento dos fatos e que o ‘Balanço Geral’ vai ficar por enquanto sob o comando do jornalista Guilherme Rivaroli e ainda deve anunciar o nome que estará à frente da atração nas próximas semanas.

Leia o comunicado na íntegra:

“A RIC TV afastou do trabalho o apresentador Daniel Santos ao ser informada de uma denúncia feita contra ele na Delegacia da Mulher. A RICtv adotou o procedimento assim que foi informada, a fim de contribuir com o esclarecimento dos fatos, reiterando sua postura contrária a qualquer tipo de violência, em especial contra a mulher.

Santos apresentava o programa Balanço Geral nesta segunda-feira, substituindo o titular Jasson Goulart, em seu período de férias. O programa ficou sob o comando do jornalista Guilherme Rivaroli e a RICtv ainda deve anunciar o nome que estará à frente do BG nas próximas semanas.”

 

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana