conecte-se conosco


Região Oeste

Operação desativa garimpos ilegais de minérios e madeira instalados em terras indígenas em MT

Publicado

G1 MT

Dois garimpos ilegais foram desativados na Operação Lavra Ilegal, realizada nas Terras Indígenas Sararé e Paukalirajausu, habitadas pelos índios Nambikwara, na fronteira oeste de Mato Grosso.

O resultado da operação, feita no final do mês de maio, na região de Pontes e Lacerda, a 483 km de Cuiabá, e foi divulgada nessa quarta-feira (12) pela assessoria da Fundação Nacional do Índio (Funai). Nenhuma pessoa foi presa.

De acordo com a Funai, a operação durou três dias e foi mobilizada após denúncias que identificaram atividade garimpeira na região.

As equipes desarticularam dois pontos de garimpo ilegal onde foram encontrados acampamentos com roupas, alimentos, agentes químicos, tipo mercúrio, para lavra ilegal, materiais e ferramentas diversos da atividade garimpeira.

No total, uma máquina retroescavadeira, quatro motores e um motor foram apreendidos e destruídos junto com os acampamentos. Os alimentos e utensílios domésticos foram destinados às comunidades indígenas Nambikwara.

Além dos dois garimpos, as equipes desarticularam áreas de extração ilegal de madeira.

Operação Lavra Ilegal, realizada nas Terras Indígenas Sararé e Paukalirajausu — Foto: Funai/Assessoria

Foram encontradas diversas espécies de árvores derrubadas – garapeira, peroba rosa, cabreúva e mogno – com serragem em forma de lascas e réguas, o que sugere a extração ilegal para fins de comercialização.

Um caminhão com motosserra, combustível e materiais diversos foi encontrado ainda com a chave na ignição, sugerindo que uma pessoa fugiu ao encontrar as equipes. O veículo foi apreendido.

Comentários Facebook
publicidade

Região Oeste

Polícia Militar atua fortemente no combate ao roubo de gado na Região Oeste

Publicado

por

PMMT
6° CR
17° BPM
2ª CIA PM ARAPUTANGA
NPM DE RESERVA DO CABAÇAL

Data: 20/05/2021
Local: Fazenda LC Joaquim Tobias – Reserva do Cabaçal
Hora: 13h00min

Natureza: Roubo/Sequestro e cárcere privado/quadrilha ou bando armado
Suspeitos conduzidos: Homem de 28 anos

Narrativa: A polícia militar de Reserva do Cabaçal recebeu informações de terceiros que havia um caminhão parado na rodovia MT 175 que liga o município de Reserva do Cabaçal à Itanorte, precisamente próximo à fazenda LC Joaquim Tobias, que os ocupantes do veículo estavam dispensando animais de rebanho (gado) na via e quando viram a aproximação de outros veículos, um dos ocupantes evadiu-se para a mata.
Diante de tal informação, a guarnição policial deslocou-se ao local para averiguar a situação, pois se presumia tratar de furto/ roubo de gado. Ao aproximar do veículo parado, um dos ocupantes evadiu-se para a mata, porém o suspeito E. M. permaneceu no local e foi submetido a abordagem.
Foi solicitado apoio policial e a guarnição de Salto Do Céu se fez presente. Durante a entrevista policial, o suspeito confessou que participou da conduta delituosa, em que ele e mais 03 (três) suspeitos invadiram a fazenda anunciando o roubo, amarrando as vítimas e subtraindo os animais do rebanho para 02 (dois) caminhões, sendo um deles uma Mercedes-Benz L1113 placa JYD7969 cor branca.
Sendo assim, lhe foi dado voz de prisão pelo crime de roubo e cárcere privado. Por conseguinte, ambas as guarnições fizeram buscas nas imediações e, ao chegar à fazenda LC Joaquim Tobias, foi possível visualizar as vítimas amarradas.
Após a varredura no local, em diálogo com as vítimas, disseram que aproximadamente às 06h30min foram surpreendidas pelos 04 (quatro) agentes criminosos portando armas de fogo e anunciando o roubo; que levaram os gados nos dois caminhões; que um dos suspeitos estava no local até ver a chegada da polícia e evadir-se pelos fundos.
Foi irradiado às demais unidades para fazer o cerco policial com objetivo de interceptar o outro caminhão, porém até a confecção deste boletim nada foi encontrado. Os animais que estavam no caminhão quebrado ficaram soltos na estrada, bem como o caminhão permaneceu no local, pois não há meios disponíveis de fazer sua remoção.
Insta ressaltar que o suspeito E. M. afirma que foi contratado para este delito por um homem conhecido como boiadeiro e que ele estava participando do crime, conduzindo um veículo Pajero de cor preta. Diante de todo o exposto, o suspeito foi conduzido para o Quartel da 2ª Companhia da PM de Araputanga para confecção deste boletim de ocorrência.

GuPM Reserva do Cabaçal
GuPM Salto do Céu

Comentários Facebook
Continue lendo

Região Oeste

Adolescente de 17 anos é assassinado com tiro na cabeça

Publicado

por

Um adolescente identificado pelas iniciais B.V.S.B., de 17 anos, morreu neste domingo (30) após ser baleado na cabeça, em Vila Bela da Santíssima Trindade (521 km de Cuiabá).

 

De acordo com o boletim de ocorrência, o crime ocorreu por volta das 21h30 na casa onde a vítima morava, na região central da cidade.

O pai do rapaz contou que o filho havia tido uma discussão com um jovem e que acreditava que ele seria o autor do homicídio.

O menor chegou a ser socorrido e encaminhado para uma unidade de saúde, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Segundo a PM, na casa onde ocorreu o crime, os policiais encontraram uma bicicleta e ao lado de uma poça de sangue estava um boné e várias pontas de cigarro, que seriam da vítima.

Até o momento nenhum suspeito foi preso. O caso é investigado pela Polícia Civil da cidade.

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana