conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil cumpre prisão de autor de duplo homicídio ocorrido em 2015 em Rondonópolis

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

O autor do duplo homicídio que vitimou um casal no ano de 2015 na zona rural de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá) teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, na tarde desta quarta-feira (07.04), durante ação da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP).

O suspeito de 41 anos foi identificado como autor do duplo homicídio que vitimou Agnaldo Bizerra, 41 anos e Alice Jacomassi, de 62 anos. E estava com a ordem de prisão preventiva expedida pela 1ª Vara Criminal de Rondonópolis pelo crime.

A execução das vítimas ocorreu em outubro de 2015, na zona rural próximo ao presídio da Mato Grande. Os dois corpos foram encontrados já sem vida com ferimentos de disparos de armas de fogo, próximos a um terreno argiloso, na propriedade de Alice.

Segundo as investigações, o crime teria sido motivado por um desentendimento entre o suspeito e as vítimas em razão de uma área e que perdurava por mais de seis meses.

Com a retomada das investigações, os policiais da DHPP descobriram o paradeiro do foragido, no assentamento Chico Mendes, próximo ao local do homicídio, local em que foi dado cumprimento ao mandado de prisão.

O suspeito foi conduzido à delegacia para as providências cabíveis e após ser apresentado à delegada Karla Peixoto Ferraz, foi encaminhado à unidade prisional ficando a disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Polícia Civil cumpre prisão de homem suspeito de abusar do próprio filho em Sorriso

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem suspeito de estupro de vulnerável cometido contra o próprio filho teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, neste sábado (17.04), em Sorriso (442 km ao norte de Cuiabá).

O suspeito, de 44 anos, era investigado desde maio de 2019 quando a avó da criança registrou boletim de ocorrência na Polícia Civil de Sorriso relatando que desconfiava dos abusos cometidos contra o neto, na época com cinco anos de idade.

Segundo as informações, a criança constantemente apresentava hematomas e reclamava de dores nas partes íntimas. A mãe da criança não acreditava que o filho estivesse sofrendo os abusos e não levava o menino ao médico.

Durante as investigações, a vítima foi ouvida em depoimento especial e relatou os abusos praticados pelo pai. Com base nas evidências colhidas, foi decretada a prisão preventiva do suspeito que foi cumprida neste sábado pelos policiais da Delegacia de Sorriso.

Em ação coordenada pelo delegado José Getulio Daniel, o suspeito foi localizado em sua  na empresa recuperadora e tornearia, no bairro Industrial, onde teve a ordem de prisão cumprida. Ele foi conduzido à Delegacia de Sorriso para as providências de praxe e posteriormente colocado á disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Ação conjunta apreende drogas, arma e pescado irregular em Nova Xavantina

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma ação conjunta realizada pela Polícia Civil e Polícia Militar de Nova Xavantina, na sexta-feira (16.04), com objetivo de combater o tráfico de drogas no município, resultou  em três pessoas presas em flagrante e na apreensão de armas, drogas e pescado irregular.

Durante investigações do tráfico de drogas na cidade, as equipes policiais realizavam diligências para localizar um suspeito que utiliza o seu veículo para o transporte de entorpecentes e abastecimento de bocas de fumo na cidade.

Com informações de que o investigado estaria em um ponto específico de venda de drogas na cidade, os policiais foram até o local, conseguindo realizar a abordagem do suspeito, que de imediato foi flagrado com porções de entorpecentes no interior do veículo.

Em continuidade as diligências, os policiais realizaram o adestramento na boca de fumo, onde localizaram porções de maconha e de pasta base de cocaína, um revólver calibre 38, 29 munições, sendo 11 calibre 38 e 18 calibre 22, além de pescado irregular e vários apetrechos de pesca ilegal, como redes e espinhel.

Diante dos fatos, três pessoas foram conduzidas à Delegacia de Nova Xavantina e após serem interrogadas foram autuadas em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico, posse ilegal de arma de fogo e munições e crime ambiental.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana