conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil inicia Projeto Coordenadoria de Gestão de Pessoas Itinerante no interior do Estado

Publicado

A Coordenadoria de Gestão de Pessoas, da Polícia Civil, iniciou as atividades do projeto “Coordenadoria de Gestão de Pessoas Itinerante”, desenvolvido para levar aos profissionais informações acerca das ações de prevenção à saúde e segurança no trabalho.

A primeira regional a receber o Projeto foi Água Boa, região leste do Estado, e contou com a participação dos servidores das Delegacias de Polícia de Canarana, Querência, Ribeirão Cascalheira e Água Boa.

Durante o evento foram apresentados os produtos e serviços da Coordenadoria de Gestão de Pessoas, bem como realizado workshop de prevenção da saúde mental, com atendimento psicossocial individualizado, prevenção de saúde básica e trabalho de consciência corporal.

Na ocasião também houve atividade prática de mobilidade, flexibilidade e relaxando, realizada pela Gerência de Operações Especiais (GOE).

Os serviços de prevenção à saúde foi promovido em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Água Boa, a qual disponibilizou o atendimento de Aferição de pressão arterial, teste de glicemia, vacinação com a oferta de todas as vacinas do calendário vacinal, avaliação física com bioimpedância e auriculoterapia.

O delegado regional Valmon Pereira da Silva, participou das atividades e, ao final, agradeceu a presença e o empenho da equipe da Gestão de Pessoas, e ressaltou a dificuldade da distância para o deslocamento. Ele ainda acrescentando que foi um dia proveitoso e espera que outros encontros ocorram, pois acredita ser necessário o servidor cuidar da saúde física e mental para ter melhor qualidade de vida.

A Polícia Civil, por meio da Coordenadoria de Gestão de Pessoas e Regional de Água Boa, também agradeceram ao município de Água Boa e ao Sindicato Rural da cidade pela parceria indispensável para a realização do evento.

Nesta quinta-feira (02.06), o projeto “Coordenadoria de Gestão de Pessoas Itinerante” acontecerá na Regional de Barra do Garças.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Polícia Civil cumpre prisão contra autor de roubo de celulares em Nova Mutum

Publicado

Um jovem investigado pela prática de roubo a uma loja de aparelhos celulares em Nova Mutum (264 km ao norte de Cuiabá), foi preso pela Polícia Civil, nesta segunda-feira (27.06), em ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf).

O suspeito de 19 anos teve a prisão preventiva expedida pela 3ª Vara Criminal da Comarca local, após ser identificado nas diligências da Derf para apurar o crime, ocorrido em um estabelecimento comercial, no dia 9 de junho.

Diante do mandado em aberto, os policiais civis localizaram o procurado em uma residência no bairro Residencial Santa Terezinha.

Em cumprimento a ordem judicial, ele foi conduzido pelos investigadores para a Derf de Nova Mutum. Após as providências cabíveis, o preso foi colocado à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Pai que abusava sexualmente da filha tem prisão cumprida pela Polícia Civil em Tangará da Serra

Publicado

Um pai suspeito de abusar sexualmente da filha de 13 anos de idade teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, no domingo (26.06), em trabalho investigativo realizado pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Tangará da Serra (239 km a Médio-Norte de Cuiabá).

O suspeito, de 39 anos, é pai biológico da vítima, fruto de um relacionamento extraconjugal e se aproximou da filha recentemente aproveitando os momentos com ela para praticar os abusos.

As investigações iniciaram no ínicio do mês quando a mãe da adolescente compareceu à Delegacia da Mulher para denunciar que a filha foi vítima de estupro praticado pelo próprio pai. Segundo as informações, o suspeito não acompanhou o crescimento da menina, e passou a se aproximar da menor em 2021.

Ele aproveitava os momentos em que estava com a guarda da menina para praticar os abusos, ocasião em que dizia que era normal ocorrer relações sexuais entre pai e filha e que como pai, tinha o direito de tocá-la.

Durante as investigações, os policiais da DEDM descobriram que o suspeito estava em prisão domiciliar , por conta de uma condenação de 12 anos também pela prática de estupro de vulnerável, recebendo o benefício de cumprir pena em casa, em razão de doença pulmonar no auge da pandemia da Covid-19.

Diante dos fatos, o delegado titular da DEDM Tangará da Serra, Gustavo Espindula de Souza, representou pela prisão preventiva do suspeito, que foi deferida pela Justiça e cumprida pelos policiais da especializada no domingo (26). O suspeito foi conduzido à delegacia para as providências cabíveis e posteriormente colocado à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana