conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil liberta idosos mantidos em cárcere privado durante extorsão e tortura

Publicado

Policiais civis da Delegacia de Canarana libertou um casal de idosos que foi vítima de extorsão mediante sequestro e de tortura, em uma fazenda no município, durante o feriado de 02 de novembro.

As vítimas foram mantidas em cativeiro na sede da fazenda, na zona rural de Canarana. Uma das vítimas, de 70 anos, foi encontrada debilitada, com diversos ferimentos e perfurações provocadas por faca e lesões decorrentes de choque elétrico.

A ação policial, coordenada pelo delegado Flávio Leonardo Santana, teve início com o registro do desaparecimento de uma mulher de 38 anos, ocorrido no último domingo (29.10). A partir da informação, a equipe da Delegacia de Canarana realizou diversas diligências para localizar a vítima.

Cárcere privado

Na quinta-feira, os policiais descobriram que a mulher desaparecida teria sido levada para uma fazenda, sob a justificativa de que realizaria serviços de manicure e receberia a quantia de R$ 500,00 como pagamento.

Os policiais civis foram ao local indicado e ao se aproximarem da sede, escutaram gemidos e pedidos de socorro. O casal de idoso, proprietário da fazenda, foi localizado em um quarto, sobre a cama, em estado de choque. Eles informaram que foram mantidos em cárcere desde a segunda-feira e foram obrigados a efetuar diversas transações bancárias para os suspeitos, além de fornecerem cartões bancários com as senhas para que os criminosos fizessem saques.

Quando perceberam a chegada dos policiais à fazenda, os suspeitos fugiram para uma área de mata na região. Ambos foram identificados e as diligências para localizá-los continuam.

As vítimas resgatadas foram levadas para o hospital municipal de Canarana, por onde estão passando por atendimento médico.

Em relação à vítima de 38 anos, ainda não foi localizada. Conforme o delegado, uma das linhas investigativas aponta que ela foi levada para uma emboscada na fazenda e a motivação é também objeto da investigação.

Fonte: Policia Civil MT – MT

Comentários Facebook
publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Policial

Operação Família Quebrada cumpre 19 mandados contra traficantes em Paranaíta

Publicado

Deflagrada pela Delegacia da Polícia Civil de Paranaíta, neste sábado (09.12), a Operação Família Quebrada cumpriu 19 ordens judiciais contra investigados pelo crime de tráfico de drogas no município.

Foram cumpridos 15 mandados de busca e apreensão e quatro de prisão preventiva. Os investigados são reincidentes e ligados a uma organização criminosa. Um dos presos exercia a função de disciplina da facção.

Durante as buscas foram apreendidas porções de maconha e pasta base de cocaína, dinheiro em espécie, um simulacro de arma de fogo do tipo metralhadora e aparelhos celulares.

Duas pessoas foram presas em flagrante por tráfico. Todos os presos na operação foram encaminhados à unidade prisional de Alta Floresta.

“A Polícia Civil reforça seu compromisso em combater a criminalidade organizada e o inquérito policial instaurado contra todos os envolvidos presos nesta operação está em fase final de conclusão”, pontuou a delegada Paula Meira Barbosa.

Participaram da Operação Família Quebrada 50 policiais civis das unidades da Polícia Civil na Regional de Alta Floresta.

Fonte: Policia Civil MT – MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Criminoso procurado no Pará é localizado pela Polícia Civil em Lucas do Rio Verde

Publicado

Uma ação conjunta da Polícia Civil de Mato Grosso, por meio da Gerência de Combate ao Crime Organizado e Delegacia de Lucas do Rio Verde resultou na localização nesta sexta-feira (08.12) de um criminoso procurado por homicídio ocorrido no estado do Pará.

Rubens Mendes de Souza, 44 anos, teve a prisão preventiva decretada pela Comarca de Belém por homicídios ocorridos na capital paraense, no ano passado.

Mendes é ligado a uma facção criminosa e estava se escondendo em Mato Grosso. A GCCO apurou a localização do procurado, que foi encontrado em Lucas do Rio Verde.

Nesta sexta-feira, investigadores da GCCO e da Delegacia de Lucas do Rio Verde realizaram diligências no bairro Tessele Júnior para cumprimento do mandado de prisão. Porém, ao fazer a aproximação e abordagem, o suspeito reagiu com um revólver calibre 38, sendo necessária a intervenção policial para repelir o ataque e o criminoso foi a óbito no local.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e atestou a morte do criminoso. A Perícia Técnica Oficial (Politec) realiza os levantamentos necessários no local.

Fonte: Policia Civil MT – MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana