conecte-se conosco


Mato Grosso

Polícia Militar orienta competidores que irão participar da 23ª edição da Corrida Homens do Mato

Publicado

A Polícia Militar de Mato Grosso realiza neste sábado e domingo (18 e 19.11) a 23ª edição da Corrida Homens do Mato, em Cuiabá. As largadas e chegadas serão no Quartel do Comando-Geral da PMMT, nas categorias infantis e adultos.

A organização do evento orienta os participantes a chegarem com antecedência ao local da concentração do evento e que evitem o deslocamento pela Avenida Historiador Rubens de Mendonça, nas proximidades do Quartel do Comando-Geral, uma vez que a avenida faz parte do percurso da prova.

Os organizadores reforçam que, para a prova geral de domingo (19), as vias que compõem o trajeto da prova de 10 km e 5 km, no trechos da Avenida do CPA, Centro Político Administrativo, Detran-MT, Parque das Águas e Tribunal Regional do Trabalho (TRT), estarão parcialmente interditadas pelo Batalhão de Polícia Militar de Trânsito Urbano e Rodoviário (BPMTran) e Secretaria de Mobilidade Urbana de Cuiabá (Semob), no período das 6h às 10h.

A entrega dos kits de prova está acontecendo no Museu da Polícia Militar, na Praça das Bandeiras, até a véspera da prova, no sábado. Para os kits infantis, a retirada se encerra no sábado, às 11h, e das categorias adulto e PCDs, às 18h.

No sábado (18), crianças de quatro a 12 anos participam da Corrida Kids, a partir das 16h, com percursos especiais, dentro do Comando-Geral da PMMT.

Já no domingo (19), os adultos participam da corrida oficial, com largadas a partir de 6h50, em percursos de 5 e 10 km.

Durante as corridas, haverá distribuição de água aos participantes, em alguns pontos do percurso, além da escolta com batedores e ambulâncias para garantir a segurança e toda a assistência necessária aos competidores.

Para mais informações, clique aqui.

Serviço

Corrida Homens do Mato Kids
Data: 18/11 (sábado), às 16h
Local: Quartel do Comando-Geral da PMMT, Avenida Historiador Rubens de Mendonça, nº 6135, bairro Jardim Novo Paraíso, Cuiabá

Corrida Homens do Mato Adulto e PCDs
Data: 19/11 (domingo), às 6h50
Local: Quartel do Comando-Geral da PMMT, Avenida Historiador Rubens de Mendonça, nº 6135, bairro Jardim Novo Paraíso, Cuiabá

Fonte: Governo MT – MT

Comentários Facebook
publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

Motoristas das categorias C, D e E com exame toxicológico vencido têm até o dia 28 para regularização

Publicado

Os motoristas das categorias C, D e E que estão com o exame toxicológico vencido devem regularizar a situação até o dia 28 de dezembro de 2023. O prazo foi determinado pela resolução nº 1.002, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

Para regularizar, os condutores dessas categorias devem providenciar a realização do exame toxicológico em laboratórios devidamente credenciados à Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran) e não precisam comparecer ao Detran para apresentar o exame, uma vez que o resultado é lançado pelo laboratório credenciado diretamente no sistema nacional, sendo disponível para consulta através do aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT) do Governo Federal.

CONFIRA AQUI OS LABORATÓRIOS


O exame toxicológico é obrigatório na obtenção ou renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), para as categorias C, D e E, sendo realizado a cada dois anos e seis meses.


O artigo 165-D (que tem sido chamado “multa de balcão”) ainda não foi regulamentado pela Secretaria Nacional de Trânsito, portanto, a multa não será aplicada de forma automática.


Os condutores que deixarem de realizar o exame ou continuarem dirigindo (independente da categoria do veículo), com o exame toxicológico vencido incorrerá em infração de trânsito, com multa de R$ 1.467,35 e inclusão de 7 pontos na CNH.


Em caso de resultado do toxicológico positivo, o condutor não poderá conduzir veículo por 3 meses.
Além disso, o condutor não poderá renovar a Carteira Nacional de Habilitação até que seja feito o exame com resultado negativo.

Fonte: Governo MT – MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

“Não podemos aceitar que empresas de fora, ou brasileiras, desrespeitem nosso Código Florestal”, cobra governador

Publicado

O governador Mauro Mendes defendeu que as empresas estrangeiras e brasileiras respeitem o Código Florestal e não adotem iniciativas que imponham restrições aos produtores rurais, a exemplo da moratória da soja e da carne.

A defesa ocorreu durante evento promovido pela Confederação Nacional das Indústrias (CNI), no âmbito da 28ª Conferência do Clima da Organização das Nações Unidas (ONU), a COP 28.

A moratória restringe a compra de soja e carne de produtores mato-grossenses, que abriram áreas legalmente a partir de 2008. Algumas empresas exportadoras tem adotado a prática por pressão de países da Europa, que é concorrente do Brasil na produção de alimentos.

“Não podemos aceitar que algumas empresas mundiais, até mesmo brasileiras, estabeleçam regras e normas que desrespeitem as leis brasileiras, o Código Florestal brasileiro, que é um dos mais requintados, sofisticados, robustos e restritivos mecanismos de proteção ao meio ambiente de nosso país”, pontuou.

Mauro explicou que a absoluta maioria dos produtores de Mato Grosso age na legalidade, abrindo áreas apenas dentro do perímetro permitido. No caso das áreas na Amazônia, por exemplo, o produtor só pode usar 20% da sua propriedade e precisa manter os 80% restantes inteiramente preservados.

“Há empresas que não estão respeitando isso e tentam estabelecer regras muito mais restritivas do que aquilo que está na lei. Muitas consequências dramáticas já estão acontecendo, com produtores vivendo a incerteza da venda daquilo que produzem. E mais consequências poderão acontecer se essas empresas não respeitarem o Código Florestal brasileiro e os marcos estabelecidos pela nossa legislação”, afirmou, endereçando a fala ao presidente da Câmara, Arthur Lira, para que possa travar esse debate no Congresso Nacional.

Também participaram do evento: Ricardo Alban, presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI); Saleh Ahmad Salem Alzaraim Alsuwaidi, embaixador dos Emirados Árabes Unidos no Brasil; deputado federal Arthur Lira, presidente da Câmara dos Deputados; senador Veneziano Vital do Rêgo, vice-presidente do Senado Federal; Sidney Leon Romeiro, embaixador do Brasil nos Emirados Árabes Unidos; Osmar Chohfi, presidente da Câmara de Comércio Árabe-Brasileira; Helder Barbalho, governador do Pará; César Miranda, secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso; Paulo Araújo, deputado estadual; e Silvio Rangel, presidente da Federação das Indústrias de Mato Grosso.

Fonte: Governo MT – MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana