conecte-se conosco


Cuiabá

Prefeito sanciona lei que  reconhece atividade religiosa como essencial

Publicado


Davi Valle

Clique para ampliar

O prefeito Emanuel Pinheiro sancionou nesta terça-feira (13), a lei 6663/2021 de autoria do vereador Renivaldo Nascimento (PSDB), que reconhece a atividade religiosa como essencial em tempos de crises sanitárias, como a pandemia da covid-19.

Na última sexta-feira (9), o prefeito já havia liberado as atividades religiosas de forma presencial, de segunda a domingo das 5h às 20h30 desde que observados os protocolos de convivência e de distanciamento social com limitação de 30% (da capacidade do local). 
 
“Respeitando todas as medidas de biossegurança, como distanciamento, uso de máscara e álcool em gel, iremos conter o avanço da pandemia. Peço que todos líderes religiosos fiquem atentos a isso, para que possamos enfrentar juntos a maior  crise sanitária. E com fé em Deus iremos conseguir”, comentou o prefeito. 
 
O autor do projeto, vereador Renivaldo destaca que: “neste momento, os templos podem e devem estar abertos para um aconselhamento individual, oração, doação de alimentos, cultos, missas, encontros e outras atividades que contribuem com o fortalecimento da fé e equilíbrio emocional das pessoas, bem como a assistência social da população”, disse.
 
Em outro trecho do projeto,  consta que as instituições religiosas prestam serviços sociais importantes que, em momentos de crise, se tornam essenciais. “Temos visto nos últimos tempos em todas as catástrofes naturais, os templos religiosos participarem colaborativamente na arrecadação e distribuição de alimentos, água, roupas e itens de higiene pessoal”, complementou o vereador na justificativa.

Comentários Facebook
publicidade

Cuiabá

Prefeito autoriza abertura do comércio somente no fim de semana do Dia das Mães até a meia-noite

Publicado


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, autorizou nesta quinta-feira (6), por meio de decreto, a abertura do comércio em geral nos dias 8 e 9 de maio de 2021 – (Dia das Mães) – das 9h às 00h. Conforme o chefe do Executivo, a medida também valerá para bares, restaurantes e shoppings centers.  

Conforme o decreto 8427/2021 – as atividades econômicas deverão observar rigorosamente as medidas de biossegurança determinadas pela autoridade sanitária municipal, sob pena de aplicação das penalidades legais cabíveis.  
 
“Atendendo a um pedido do setor, tão prejudicado nessa pandemia, vamos autorizar o funcionamento do comércio no sábado e no domingo. Para que possamos dividir o público que irão às compras nesse feriado, decidimos pelo horário estendido neste fim de semana excepcionalmente por ser do Dia das Mães. Precisamos retomar a economia, mas com responsabilidade. Peço para os empresários que irão abrir seus estabelecimentos que nos ajudem a combater esse vírus terrível que está aterrorizando todo o mundo. A Prefeitura de Cuiabá sempre foi  parceira dos comerciantes e sempre manteve o diálogo com todas as categorias durante a pandemia. E que possamos juntos retomar gradativamente a normalidade dos horários de funcionamento do comércio com segurança”, pediu o prefeito.  
 
Observa-se que a Capital está inserida no nível de classificação alto, previsto no Decreto Estadual nº 874, de 25 de março de 2021 e considerando a porcentagem de 83,15% de taxa de ocupação de leitos de UTI-Covid constante no painel epidemiológico nº 424 Coronavírus – Covid-19 Mato Grosso de 06 de maio de 2021 e reiterado comprometimento da Prefeitura de Cuiabá  com a preservação da saúde e bem-estar de toda população cuiabana: “Fica excepcionalmente autorizado no âmbito do Município de Cuiabá, o funcionamento das atividades econômicas de comércio em geral, dos bares e restaurantes, inclusive aqueles em funcionamento no interior dos shoppings centers, nos dias 08 e 09 de maio de 2021 (final de semana do Dia das Mães) das 09h às 00h”, consta em decreto. 
 
Diante da taxa de ocupação de leitos de UTI em 83,15% o toque de recolher na capital, não estará em vigor – excepcionalmente – nos dias 8 e 9 de maio.

Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

Pessoas da primeira fase do grupo de comorbidades começam a ser imunizados nesta sexta-feira (07)

Publicado


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

Começa nesta sexta-feira (07) em Cuiabá a vacinação contra o coronavírus do grupo da primeira fase das comorbidades, de acordo com o preconizado pelo Plano Nacional de Imunização – PNI. Nesta fase serão contemplados:

– Pessoas com Síndrome de Down, a partir de 18 anos;

– Gestantes e puérperas com comorbidades, a partir de 18 anos;

– Pessoas com comorbidades de 55 a 59 anos;

– Pessoas com Deficiência Permanente cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC) de 55 a 59 anos.

Para serem vacinadas todas as pessoas precisam fazer o pre cadastro no site vacina.cuiaba.mt.gov.br e comparecer no local de vacinação com a documentação necessária para comprovar que fazem parte do grupo prioritário, além do QR Code do agendamento. As grávidas devem levar o Cartão de Gestante e as puérperas (mulheres que tiveram bebê há até 45 dias) devem levar a certidão de nascimento da criança.

Com o objetivo de facilitar a obtenção do laudo médico pela população, a Secretaria Municipal de Saúde – SMS elaborou uma Declaração para vacinação de pessoas com comorbidades, deficiência permanente, gestantes e puérperas. Nesta declaração constam todas as comorbidades, onde o médico precisa apenas assinalar a doença que o paciente possui, assinar e carimbar. Para aqueles que já possuem o laudo do médico, não é necessário levar esta declaração. O documento está disponível no site da vacinação.

Também consta na declaração um local para o médico preencher a informação sobre a comorbidade das gestantes e das puérperas. As pessoas com deficiência permanente devem trazer esta declaração assinada pelo médico, ou cartões de gratuidade no transporte público que indiquem condição de deficiência, ou qualquer outro documento que indique se tratar de pessoa com deficiência.

A coordenadora da campanha de vacinação, Valéria de Oliveira ressalta que, dentro do grupo de gestantes, puérperas e pessoas de 55 a 59 anos, apenas aqueles que tiverem comorbidades comprovadas pelo médico serão vacinadas. “Ao longo desses quase quatro meses de campanha identificamos muitas tentativas de pessoas que não fazem parte dos grupos prioritários de driblar nossos filtros para serem vacinados. O único objeto de verificação que teremos neste momento será o laudo ou a declaração assinada pelo médico”, comenta Valéria.

Outro problema enfrentado é a grande quantidade de pessoas de outras cidades que estão tentando ser vacinadas em Cuiabá. “A nossa vontade é de vacinar todo mundo, mas infelizmente as doses que recebemos são insuficientes. O número de vacinas que chegam para nós é destinado à população que mora em Cuiabá, por isso não podemos vacinar pessoas de outros municípios. Precisamos da compreensão de todos, para que possamos continuar a campanha de forma organizada e sem intercorrências”, informa a coordenadora.

O prefeito Emanuel Pinheiro comemora o início da imunização de mais um grupo prioritário. “Estou muito satisfeito com o andamento da campanha de vacinação em Cuiabá e muito feliz pelo começo da vacinação das pessoas com comorbidades, que nesta fase conta com cerca de 84 mil pessoas. Hoje passamos dos 100 mil imunizados com a primeira dose no município e se Deus quiser, logo em breve esse número será duplicado. Só dependemos da chegada de mais doses, pois temos uma equipe responsável e engajada trabalhando na vacinação dos cuiabanos”, comemora Pinheiro.

 Confira como será a vacinação em 07/05/2021

CENTRO DE EVENTOS DO PANTANAL 

•           1ª dose comorbidades 

SESC BALNEÁRIO 

•           1ª dose de idosos de 60 a 64 

•           1ª dose de Forças de Segurança 

•           1ª dose comorbidades 

SESI PAPA – Drive-thru 

•           1ª dose de idosos de 60 a 64 

•           1ª dose de Forças de Segurança 

•           1ª dose comorbidades 

UFMT – Drive-thru 

•           2ª dose de Trabalhador da Saúde 

•           2ª dose de Forças de Segurança

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA 

•           1ª dose de idosos de 60 a 64 

•           2ª dose de idosos de 70 a 74 

•           1ª dose comorbidades

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana