conecte-se conosco


Cuiabá

Upas e Policlínicas realizaram mais de 300 mil consultas em onze meses

Publicado


Davi Valle

Clique para ampliar

Levantamento realizado pelo setor de estatística da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) mostra que 64% dos atendimentos realizados nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e Policlínicas de Cuiabá são referentes a pacientes classificados com as cores verde e azul pela triagem, ou seja, pouco urgente ou sem urgência. Os dados são relativos ao período de janeiro e novembro de 2021. 

Nesse intervalo, as seis unidades da Atenção Secundária – UPAs do Verdão, Pascoal Ramos e Morada do Ouro e Policlínicas do Planalto, Pedra 90 e Coxipó -, juntas, realizaram um total de 307.626 consultas, o que representa uma média de 150 atendimentos diários por unidade. Dessas, 1.327 foram classificados com a cor vermelha (casos emergentes, que necessitam de socorro imediato); 98.750 foram triados como amarelos (urgentes, com tolerância de 60 minutos de espera); 184.771 acolhimentos foram considerados verdes (pouco urgentes, com tempo de espera de até 2 horas) e 12.102 recepções ocorreram a pacientes classificados com a cor azul (sem urgência, que podem aguardar por até 4 horas). 

Além disso, em cumprimento à Lei nº 10.048/2000, foram registrados 8.432 classificados com a cor roxa (quando o paciente é deficiente físico, idoso, gestante, lactante ou acompanhado por criança de colo, ou seja, precisa de atendimento prioritário) e ainda houve 2.244 triagens com a cor preta (quando o paciente afirma ter alergia a algum tipo de medicamento). 

Aumento da demanda

Na última semana do ano de 2021, com o aumento dos casos de síndromes gripais não só em Cuiabá, mas em todo o país, aumentou também a procura nessas unidades de pronto atendimento. A média, que era de 150 consultas por dia, chegou a 500 por dia, em algumas unidades. Entre os dias 26 e 31 de dezembro, foram feitos 11.622 atendimentos médicos em todas as UPAs e Policlínicas de Cuiabá. Os números foram mais elevados nos dias 26, 27 e 28 de dezembro (2.040, 2.677 e 2.386, respectivamente). Depois, voltaram a cair até o dia 31 (1.954, 1.519 e 1.046 atendimentos, respectivamente).   

Já na primeira semana de 2022, entre os dias 1º e 8, foram realizadas 12.146 consultas nas seis unidades de Atenção Secundária (1.133, 1.325, 1.962,1.709, 1.546, 1.594. 1.568 e 1.309 atendimentos, respectivamente), o que dá uma média de 253 acolhimentos diários por unidade, ou seja, ainda superior ao que era habitual ao longo do ano passado. 

Fluxo de atendimento

Apesar de os dados referentes à classificação de cada paciente ainda não estarem tabulados, é unânime entre os coordenadores desses estabelecimentos que a grande maioria dos casos continua sendo de casos leves de síndromes gripais. Diante dessa situação, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) tem intensificado às orientações à população quanto ao fluxo correto para procurar assistência médica. “Nós temos que entender que o Sistema Único de Saúde (SUS) é dividido em atenções primária, secundária e terciária. E a estrutura primária em Cuiabá é muito bem equipada. Então, em caso de sintomas leves, o ideal é procurar a UBS mais próxima e deixar para a policlínica ou UPA os casos mais graves, que são os notificados”, explica Renan Mâncio, diretor clínico da UPA Norte.

De acordo com a enfermeira Josy Venero, responsável técnica da UPA Sul, durante esse momento em que as unidades estão superlotadas, a todo momento as equipes passam na recepção orientado às pessoas quanto ao fluxo de atendimento, sobre o tempo de espera, que é delimitado de acordo com a classificação de risco de cada paciente, no intuito de conquistar a compreensão dos pacientes e otimizar o serviço. “Nós estamos fazendo essa orientação até para que eles saibam o risco de estarem aqui, devido à circulação dos vírus, não sabemos se é covid-19 ou não, até fazer um teste. Mas muitos preferem ficar aqui ao invés de ir nas unidades básicas. Tem pessoas que vão todos os dias, com os mesmos sintomas leves e mesmo já tendo recebido atendimento médico e medicamentos no dia anterior alegando que precisam de atestado médico”, relata. 

Plano de Enfrentamento à Síndrome Gripal

Conforme o Plano de Enfrentamento à Síndrome Gripal e Síndrome Respiratória Aguda Grave, anunciado pelo prefeito Emanuel Pinheiro no dia 24 de dezembro, todas as unidades básicas de saúde passaram a atender os pacientes com sintomas gripais leves em livre demanda, ou seja, sem necessidade de agendamento. Isso significa que pessoas com sintomas como coriza, mal-estar, febre, diarreia e tosse, devem procurar a unidade de saúde da família mais próxima de sua casa. Já ao sentir um desconforto respiratório ou aumento da frequência respiratória, por exemplo, o indicado é procurar a unidade de pronto atendimento. Os casos que necessitarem de internação serão encaminhados para o Hospital Referência à Covid-19 (antigo Pronto Socorro) ou para o Hospital São Benedito. 

Comentários Facebook
publicidade

Cuiabá

Brizola: um símbolo eterno do político por vocação e idealismo

Publicado


Neste sábado (22), o eterno Leonel Brizola, um dos maiores nomes da democracia brasileira, chegaria aos 100 anos de idade, caso ainda estivesse vivo. Detentor do título Herói da Pátria, que foi conferido pelo Congresso Nacional por sua trajetória de luta pelo país, Brizola é a personificação exata da frase que costumo dizer: “política é para políticos e não para aventureiros”.

Com uma história inspiradora, Brizola nos mostrou ao longo de carreira que, para fazer política, discursos bonitos e decorados não bastam, não se sustentam e muito menos consolidam. Para fazer política é preciso ter esse dom enraizado na alma. Somente aqueles que possuem essa vocação e convicção conseguem construir um caminho norteado pela essência de servir ao povo, colocando os interesses coletivos acida de tudo.

Foi isso que Brizola fez durante toda sua vida política. Não por menos, já aos 25 anos, conquistou a vaga para deputado estadual e, logo na sequência, emplacou ainda duas eleições como deputado federal. Nessa trajetória vitoriosa também exerceu a função de prefeito de Porto Alegre. E, para coroar, ainda entrou para a história como o único ser eleito governador por dois estados diferentes, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul.

Um entusiasta e apaixonado por aquilo que fazia, é assim que Leonel Brizola pode ser resumidamente descrito. Muito mais que um nome, foi e eternamente continuará sendo um exemplo de estadista habilidoso, talentoso e com uma capacidade natural para o caminho que escolheu trilhar. Defensor inegociável da democracia, tem uma cadeira cativa entre os grandes símbolos da luta contra a ditadura militar no Brasil.

Diante de tantos feitos, tornou-se impossível contar a história da política brasileira sem dedicar uma longa parte dela para falar de Brizola. E isso é um privilégio que pouquíssimos conseguem conquistar. Nos dias atuais, onde aventureiros, que se colocam como grandes “salvadores da pátria”, surgem e desaparecem na mesma velocidade, esse fato é ainda mais raro de acontecer.

A trajetória de Leonel Brizola nos ensina que fazer política não é algo temporal, mas sim uma responsabilidade que alguém escolhe carregar com muita dedicação por toda sua vida. É uma responsabilidade que exige olhar para o outro mais do que para si mesmo. Fazer política é, igualmente, saber respeitar a história construída por aqueles que vieram antes e prepararam o caminho para novas lideranças surjam.

Obrigado, Leonel Brizola!

**No registro feito em 2002, a primeira-dama Márcia Pinheiro, Leonel Brizola, e o prefeito Emanuel Pinheiro que, na época, era deputado estadual e líder do PDT na Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso.

Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

Prefeitura dá mais um passo para estruturação do projeto de PPP de requalificação urbana do Centro Histórico

Publicado


Divulgação

Clique para ampliar

A gestão Emanuel Pinheiro, por meio da Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, dá mais um passo para a estruturação do projeto de parceria público-privada para requalificação urbana do Centro da Cidade de Cuiabá e revitalização do Mercado Municipal. Na próxima semana será realizada uma reunião para chancelar todos os relatórios apresentados pela comissão técnica e, a partir de então, ser encaminhado para o processo do certame licitatório, que deve ocorrer ainda neste semestre.

O projeto prevê a implantação do estacionamento automatizado valet, que será construído no Mercado Miguel Sutil, mais conhecido como Mercado Municipal, localizado na Avenida Isaac Póvoas, no Centro Histórico da Capital. Serão construídas 586 vagas para carros e 20 para motos, o estacionamento ficará no 4º pavimento e contará com sensores para identificação do status da vaga e software compra recarga de créditos; recarga de créditos através do parquímetro e fiscalização dos serviços através de OCR. Ao todo, o futuro Mercado Municipal terá quatro pavimentos, divididos por setores para um melhor ordenamento dos ambientes. 

No mês passado, a Prefeitura de Cuiabá publicou o projeto de lei de nº504/2021, que dispõe sobre a concessão e requalificação urbana da região da Capital, sobre o sistema de controle de vagas públicas de estacionamentos rotativos em ambientes públicos.  A lei trata especificamente da possibilidade de implementação de ações e revitalização de infraestrutura viária e a gestão do estacionamento rotativo que será terceirizado por meio de uma licitação de concessão. 

 “O projeto é do programa de parceria público-privada de requalificação do Centro Histórico de Cuiabá e é o desejo do prefeito Emanuel Pinheiro a revitalização do Mercado Miguel Sutil, mais conhecido como Mercado Municipal e requalificação urbana nas regiões das praças Alencastro e Ipiranga. Já fizemos o encaminhamento dos trâmites, audiências públicas. Foram apresentados os cenários para a reforma e ampliação do Mercado Municipal. A empresa terá obrigações para poder gerenciar esse estacionamento”, comentou o secretário de Agricultura, Francisco Vuolo. 

 “Existe um problema de falta de estacionamento histórico em Cuiabá. E desde que assumimos o compromisso com Cuiabá, sempre pautamos em acabar com esses problemas que pareciam sem solução. A população terá o mais moderno Mercado e estacionamento na região Central da cidade.  E melhorar isso, gera inúmeros benefícios, como a melhora do fluxo de veículos, satisfação dos clientes e vantagens financeiras a médio e longo prazo. Temos que elaborar um projeto bem mais moderno e preparar a Capital para o futuro. O investimento em novas tecnologias agilizará todos os processos operacionais, desde a chegada do usuário ao local até sua saída. Isso evita filas, seja em pagamentos, validação de bilhetes, dentre outros”, declarou o prefeito.

Conheça aqui o projeto do Novo Mercado Municipal 

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana